Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2017

10 considerações sobre o Natal que você precisa saber

1.Jesus se fez embrião.  Eis o humanismo de Deus, como é exuberante a sua bondade. Se tivessem feito experiências com Jesus ainda embrião, Ele não teria nascido. Todo médico sabe que se alguém usasse sua célula tronco embrionária para experimentos clínicos, ele não teria nascido. Natal é festa de uma gravidez que foi respeitada. Natal é festa da vida. 2.Jesus passou pelo perigo do aborto.  A fidelidade de Maria salvou Jesus do abortamento. Segundo a lei de Israel, a mulher que engravidasse fora do casamento, deveria ser apedrejada. Maria aceitou ser apedrejada, não recorreu ao aborto para salvar a própria vida. A fidelidade e o amor de mãe salvam o filho. Não existimos por acaso ou por cálculo, mas por amor de Deus. “Sou um milagre do amor”. O Amor me quis, eu existo. 3.Jesus foi filho adotivo.  São José foi pai adotivo de Jesus. Pelo batismo somos adotados como filhos e filhas de Deus. Como é extraordinário, nobre, digno todo ato de adoção. Com este gesto a esterilidade torna-se fecunda. …

Você espera a volta de Cristo?

Estamos na semana da espera do Nascimento de Jesus. E como você preparou o seu coração para Sua chegada? Mais que o nascimento do Salvador, de fato Ele voltará. Como você está se preparando para a Sua Volta? Ele virá, nosso Esposo, Amado de nossa alma. Ouça essa pregação do nosso Fundador Clayton no Grupo de Oração Ágape e prepare-se para a noite de núpcias:

Você conhece o Ofício da Imaculada Conceição?

Segundo uma antiga tradição na Igreja, todos nós cristãos somos chamados a proclamar as grandes maravilhas realizadas na Virgem Maria através do Ofício da Imaculada Conceição.  O Ofício da Imaculada foi escrito originalmente em latim, na Itália do século XV, pelo franciscano Bernardino de Bustis, com o intuito de proteger a doutrina da Imaculada Conceição dos inúmeros ataques que vinha sofrendo da parte dos hereges desde o século XII. A pedido dos fiéis devotos da Virgem Imaculada, a Oração foi aprovada pelo Papa Inocêncio XI, no ano de 1678. Dois séculos mais tarde, em 31 de março de 1876, o Ofício foi enriquecido pelo Beato Papa Pio IX com 300 dias de indulgência cada vez que fosse recitado. Na reforma do Concílio Vaticano II, o Papa Paulo VI modificou a doutrina acerca das indulgências e concedeu indulgência parcial a aqueles que rezarem com fé o Ofício da Imaculada Conceição.
O Ofício é uma oração composta para ser cantada ou recitada, a fim de proclamar os louvores da Mãe de Deus …