Google+ Setembro 2014 ~ Comunidade Encontro

Clique e ouça!

24h de música católica para você!

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Dia dos Santos Arcanjos - Aprendendo com eles

Recorremos pouquíssimos aos anjos, raramente buscamos conhecimento sobre eles e o que podem fazer por nós. Desperdiçamos, assim, muitas graças, armas divinas que podem nos socorres, ajudar-nos em qualquer área de nossas vidas e da humanidade de uma forma geral. Desconhecemos os poderes angélicos, as suas potencialidades, a capacidade dos anjos em relação à vida humana e à matéria. São tantos os aspectos de sua existência e ação que não aproveitamos, não usufruímos. Nosso conhecimento a esse respeito é mínimo e podemos melhorar. Faz-se necessário, portanto, uma mudança de atitude, tomarmos consciência de que a ação angélica é real, concreta. 

Os anjos são estes que nos influenciam com boas ideias, santos pensamentos, inefáveis sentimentos capazes de nos aproximar de uma vida mais pura, mais santa, mais próxima de Deus. Eles nos ajudam a elevar aos céus as nossas orações e também de que forma receber as graças e comunicados do céu em direção a nós. Devemos nos empenhar em recorrer ao auxílio desse amigos de Deus e nossos. Frequentemente nos dirigirmos a eles em oração para descobrir: "Como adorar? como combater? como servir? como fazer boas escolhas? como discernir? como viver minha caminhada com Deus? como cuidar de alguém? como ser escravo de Maria?"

No aspecto do combate espiritual, por exemplo, muitas vezes travamos um combate e gastamos energia de forma errada por justamente não recorremos àqueles que são mestres na luta contra o mal, por não pedirmos o seu auxílio. A tática e a estratégia de guerra são inspiradas pelo exército celestial, é dele que devemos obter as direções. Pode ser que estejamos no posto de guerra errado, talvez no lugar dos anjos, e, portanto, desta forma, não alcançamos vitória e nos esgotamos em nossas forças. 


Que grande desastre seria todo o desenrolar da história de Tobias, Tobit, Sara e todos os que estavam envolvidos, se não fosse a intervenção de São Rafael. Que grande desastre seria se, quando ao anúncio de São Gabriel, Maria não tivesse dado ouvidos àquela voz angélica. E nós, como saberemos discernir a voz dos anjos se não a conhecemos?

Toda essa escuta também deve ser feita com o nosso anjo da guarda! Quão pouco nos aproximamos dele. Se aprendermos como é o cuidado do nosso anjo da guarda para conosco, aprenderíamos então como tão bem e perfeitamente cuidarmos de nossos irmãos.

Mestres no serviço a Deus, inteligência superior à inteligência humana! Mestres de adoração, mestres em todos os aspectos da existência humana. São eles, os anjos de Deus, professores na graça e nos retos caminhos.

Oremos: Santos arcanjos, Miguel, Rafael e Gabriel, ensinem-me a servir, a amar, a entender os caminhos de Deus, a cuidar dos irmãos. Ensinem-me a adorar perfeitamente o Senhor na Santa Eucaristia, a combater verdadeiramente o poder das trevas usando as táticas e as armas necessárias. Ensinem-me nas santas escolhas e nos santos discernimentos. Dai-me a graça, por fim, de ser conduzido por vós para a vida eterna, amém! 

São Gabriel com José e Maria, São Rafael com Sara e Tobias, São Miguel com todas as hierarquias, abri para nós esta via (faça o seu pedido).

Santos Arcanjos, roguem por nós!


Clayton B. Antar - Fundador da Com. Encontro

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Terço de São José


Nas contas grandes:
Meu glorioso São José, nas vossas maiores aflições e tribulações não vos valeu o anjo do Senhor? Valei-me São José!

Nas contas pequenas:
São José valei-me!

No fim
"Jesus, Maria e José"




Conclui-se com este oferecimento:
A Vós glorioso São José, ofereço este terço em louvor e glória de Jesus e de Maria, para que seja minha luz e guia, minha proteção e defesa, minha fortaleza e alegria em todos os meus trabalhos e tribulações e principalmente na hora da agonia.
Pelo nome de Jesus, pela glória de Maria, imploro o vosso poderoso patrocínio, para que me alcanceis a graça que tanto desejo.
Falai em meu favor, advogai a minha causa no céu e na terra, alegrai a minha alma para honra e glória vossa, de Jesus e de Maria.
Assim seja.


Santos Arcanjos, vencendo a batalha espiritual

Clayton, pregando sobre o tema: "Santos Arcanjos, vencendo a batalha espiritual"  evidenciou sobre a importância da oração em línguas que nos leva a combatermos com precisão. Quando rezamos em línguas os anjos de Deus são enviados sobre nós, em milhares, para travarem o combate espiritual e vencer.


Dizia, em sua pregação "Lúcifer, precipitado do céu juntamente com aqueles espíritos que se revoltaram, desejam convencer o coração do homem a todo momento para o mal, aliciar, seduzir e fazem isso de forma intelectual, por meio das ideias, das influencias no intelecto, na compreensão é uma guerra de pensamentos. E a grande tentativa do inimigo é convencer que Deus não ama o homem. Ele quer convencer o coração do homem a não acreditar no amor de Deus. Por muitas vezes a ação é tão sutil e elaborada que seduz com o pensamento para que a pessoa acredite em Deus, porém não no seu amor. A salvação nos vem quando nós acreditamos não só em Deus mas no seu AMOR. A maior batalha que vamos travar nesta noite é esta: A restauração da fé não só na existência de Deus mas na certeza de que seu amor existe e não abandona o homem seja qual for a circunstância. Também nesta guerra de ideias o demônio quer convencer os corações a não se importarem com a oração em línguas, a serem indiferentes, não buscarem este dom, não desejarem obtê-lo e muitas vezes desprezarem-no com críticas. O demônio sabe que se o homem se tornar um soldado com esta arma que é a oração em línguas, ele perde com facilidade. 

Toda esta batalha é enfrentada pelos arcanjos e pelos demais anjos de Deus. Neste exato momento que estamos tomando conhecimento desta verdade acontece uma batalha espiritual tremenda! Se pudéssemos enxergar com os olhos físicos a fúria do inimigo de Deus e a incansável luta dos santos anjos para que cada um de nós continuemos a compreender e possamos aumentar o exército, sermos um exército eficiente com armas bem preparadas e precisas, como é a oração em línguas, ficaríamos perplexos. Os anjos de Deus são aqueles que vem com toda a autoridade e potência do céu afugentando o pai da mentira, o demônio, pois trazem consigo a verdade que contemplam eternamente diante do Trono de Deus e, portanto, vão enchendo nossas vidas da presença de Deus, da luz, da graça, da inefável claridade divina. Esta batalha é furiosa porém conhecemos o final: Deus sempre vence. A vitória é sempre de Deus pois como diz o Arcanjo Miguel 'QUEM COMO DEUS!'. Nunca nos esqueçamos irmãos, da altíssima verdade: Deus me ama. Este é o único e definitivo anúncio, é no que precisamos crer profundamente. 
Este anúncio é trazido pelo Arcanjo Gabriel e assegurado pelo Arcanjo Rafael que cura as feridas que o desconhecimento desse amor nos trouxe. Rezemos, rezemos, sem temor com aqueles que batalham por nós! Acolhamos a verdade que eles nos trazem. Aproximemo-nos de Deus e da realidade angélica e celestial. Reze agora em línguas, na linguagem daqueles que estão próximos de Deus, na linguagem do anjos."  
Clayton B. Antar

Grupo de Oração Ágape, por que o amor de Deus supera tudo! Nunca desista, Deus nunca desiste de você. 

Paz e alegria em sua vida!


Movimentação em Combate ao Tráfico Humano

No último 23/09 foi lembrado pela Diocese de Cachoeiro o Dia Mundial do Combate ao Tráfico Humano para o qual foram desenvolvidas  atividades de conscientização e prevenção na Praça Jerônimo Monteiro. 

O objetivo foi refletir ainda mais sobre este tema, abordado também pela Campanha da Fraternidade deste ano e alertar os andantes da urgência em ações preventivas e de combate. Estavam presentes representantes de segmentos de ação social e religiosa também autoridades da Igreja como padres e o Bispo Diocesano Dom Dario Campos.







terça-feira, 23 de setembro de 2014

Tráfico de pessoas: crime bilionário e silencioso

Há anos, o tráfico de seres humanos é praticado, principalmente, por ser um negócio extremamente lucrativo. Segundo informações do Escritório das Nações Unidas Contra Drogas e Crime (UNODC), apenas o tráfico de internacional de mulheres e crianças movimenta, anualmente, de US$ 7 bilhões a US$ 9 bilhões, perdendo em lucratividade somente para o tráfico de drogas e o contrabando de armas. A estimativa é de que, para cada pessoa conduzida ilegalmente de um país para outro, o lucro das organizações criminosas chegue a US$ 30 mil. 

A pessoa traficada pode ter sido forçada ou ainda ter dado seu consentimento. Isso pode acontecer quando o traficante recorre à ameaça, coação, à fraude, ao engano, ao abuso de autoridade ou à situação de vulnerabilidade da pessoa ou à entrega ou aceitação de pagamentos ou benefícios. O consentimento da pessoa traficada é chamado de "engano" e não descaracteriza o crime. Sendo assim, mesmo consentindo em ser traficada a pessoa continua tendo o direito de ser protegida por lei. Uma situação bastante comum é o aliciamento pela oferta de emprego. Dessa forma, muitas mulheres são traficadas e, geralmente, para fins de exploração sexual.
A exploração também se configura quando a pessoa traficada é submetida a serviços forçados ou à escravidão. Há ainda o tráfico que tem como fim a remoção e venda de órgãos. O Projeto Trama entende que existe exploração sempre que os direitos humanos forem violados.
(Fonte: Adital)

A Campanha da Fraternidade de 2014, preconizada pela CNBB, tratou a temática da “Fraternidade e Tráfico Humano”, evidenciando, entre outras modalidades perversas, a exploração sexual infanto-juvenil e adulta, sobretudo de mulheres enganadas em busca de melhores condições de vida; a extração de órgãos comercializados a preço de ouro e a exploração para o trabalho escravo. É indispensável unir esforços e integrar os meios disponíveis pelas instituições na corresponsabilidade que incumbe a todos: União, governos estaduais e municipais, polícias, conselhos de cidadania, voluntariado, clubes de serviço, Igrejas, movimentos sociais. Todos nós aprendamos a enfrentar os conflitos, tentando reverter situações da escravatura, através de políticas públicas assumidas em parceria. A raiz da violência é o egoísmo e ausência de amor a Deus e ao próximo. Perdidos os valores referenciais da fé e da prática da justiça, alguém chega a degradar o ser humano, legitimando expedientes que bradam aos céus por socorro divino. Disque 123 para pedir informações, para denunciar crimes e fazer parte do encaminhamento das soluções às vítimas!

Dom Aldo Pagotto - Arcebispo da Paraíba - PB


Acontece hoje, 23 de setembro, a ação social do "Dia mundial do combate ao Tráfico Humano" na praça Jerônimo Monteiro a partir das 14h com sensibilização e conscientização sobre o tema. A programação segue com a Santa Missa celebrada pelo Bispo Diocesano Dom Dario às 18:30 na Catedral de São Pedro. Participe conosco, por maior dignidade e respeito aos direitos humanos.

São Pio de Pietrelcina - Deus fez dele sua morada


Em 23 de setembro de 1968, ano particularmente tumultuado no mundo inteiro, um homem morria numa pequena cidade do sul da Itália. Milhares de pessoas choraram sua morte. Não apenas na Europa, mas no mundo todo. Era um homem amado por Deus, de quem recebera dons extraordinários.

Tinha 81 anos e durante quase cinqüenta carregara os estigmas da Paixão. Em seu corpo, exatamente nos lugares em que Cristo fora ferido de morte na Cruz, surgiram feridas vivas, que jamais cicatrizavam causando-lhe sofrimentos atrozes.

Muitos milagres são atribuídos a ele. Inúmeras pessoas se dizem curadas graças a sua intercessão. Há relatos de milagres mesmo depois de sua morte.

Em maio de 1987, no centenário de seu nascimento, o papa João Paulo II disse: "Como era profundo seu sendo de justiça  de misericórdia, sua compaixão por todos os que sofrem, e como ele se empenhou para ajudá-los concretamente! Gostaria de agradecer a Deus por ter-nos dado o querido Padre Pio, por tê-lo oferecido à nossa geração neste nosso século tão conturbado. Em seu amor por Deus e em sua fraternidade, ele é um sinal de grande esperança".

Em 18 de dezembro de 1997, a Igreja o declarou Venerável. EM 2 de maio de 1999, numa celebração na praça São Pedro, ele foi beatificado. Em 16 de junho de 2002, na presença de mais de 300 mil fiéis do mundo todo, o papa João Paulo II proclamou São Pio de Pietrelcina o 758º santo da Igreja católica, cuja memória litúrgica é celebrada em 23 de setembro, aniversário de seu "nascimento para o céu".

Quem é Padre Pio? Por que Deus o escolheu? Que mensagem podemos extrair de sua vida? Num mundo que tem fome da palavra de Deus, num mundo carente de santos ou pelo menos de homens virtuosos, Padre Pio, o humilde frade capuchinho de Pietrelcina, com seus carismas, seu espírito sacrífico, sua devoção, sua alegria, é um sinal da presença divina. Sua força espiritual é para nós um convite a dirigir o olhar para nossa alma, esquecida em meio a tantas preocupações materiais. Seu profundo amor a Deus é para nós um alento. Sua figura admirável sobressai neste nosso século tão marcado pela descrença.

Sua vida para nós é ensinamento constante e sua intercessão ainda muito presente principalmente para o alívio das dores e dos sofrimentos. Um homem que tanto sofreu, nada mais queria que aliviar o sofrimento dos irmãos. Às duas e meia da manhã do dia 23 de setembro de 1968, Padre Pio entregou sua alma a Deus. Em seu corpo, já não havia sinal dos estigmas. Um suave perfume de flor de laranjeira emanava de seu quarto... Um perfume maravilhoso que ainda pode ser sentido em todas as partes do mundo. 

(Fonte: Trechos do livro "Padre Pio - crucificado por amor" de SIlvana Cobucci Leite)

Assista Pe. Paulo Ricardo falando sobre o profundo amor de São Pe. Pio pela Virgem Santíssima

São Pe. Pio, baluarte da Comunidade Encontro

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Ministros da Eucaristia são enviados para o serviço a Deus na CE


Aconteceu ontem na Paróquia São Felipe, Diocese de Cachoeiro, o envio de novos Ministros Extraordinários da Eucaristia e a renovação daqueles que já serviam. Imensa alegria para toda a Comunidade. A Santa Missa foi presidida por Pe. Thiago Vargas, pároco e diretor espiritual da Comunidade Encontro. Em uma homilia profunda,  abordou sobre a misericórdia de Deus, sua bondade infinita que não age conforme os pensamentos humanos mas segundo os pensamentos do céu, próprios dele. 
Afirmou que a bondade, para que se configure bondade, não deve ser destinada apenas àqueles que MERECEM, porém muito mais àqueles que NECESSITAM. Agindo como Deus, imitando-o, poderei viver na misericórdia, entendendo o jeito que Deus age comigo, e assim poderei exercer misericórdia para com aqueles que necessitam. Se ajo com a razão, farei o bem apenas para o merecedor e este não é o pensamento de Deus. Para aqueles que chegam agora, para aqueles que se aproximaram mais tarde, para aqueles que chegaram atrasados ou até mesmo aqueles que ainda chegarão sem dar o devido valor, a misericórdia de Deus é a mesma e acolhe a todos. 
Padre Thiago ainda se dirigiu aos ministros da eucaristia dizendo "Levem o nada que vocês tem, levem de sua pobreza para os que necessitam tendo a certeza que estão levando consigo a maior riqueza que é Jesus Eucarístico." 



Deus seja louvado pela vida destes novos ministros e daqueles que renovam o seu sim ao ministério, que sejam inundados pela Alegria Eucarística de poder, como a Virgem Santíssima, serem portadores do Cristo Vivo levando-o àqueles que tem sua alma sedenta de Sua Presença, que somos cada um de nós. 


"Nada, em absoluto, prefiram a Cristo" São Bento

Festa do Rei Jesus 2014

Milhares de jovens passaram a noite louvando, adorando Jesus Cristo Rei, divertindo-se e principalmente, tendo experiência com a Misericórdia Divina!
Festa linda, festa de paz, festa que resgata! Deus é maravilhoso! A Festa do Rei Jesus, com esta proposta de virar uma noite em louvor e atividades evangelizadoras, rompendo as limitações físicas, nos faz refletir sobre nossa busca de Deus e de sua vontade, nossa própria vida que nada mais é do que esperar, confiar em Deus, passar pelas dificuldades da "noite" com o olhar cheio de esperança e fixo no Senhor que nunca dorme, na certeza que em breve o dia virá, o grande sol aparecerá para tomar seu posto e nos dar uma nova chance de fazer tudo, de novo, tudo novo! Isto é o que a Misericórdia Divina nos garante. E a Festa do Rei Jesus nos faz experimentar isto a cada ano!


Que o Senhor abençoe sempre a Comunidade Vida Nova e fortaleça sua missão. Estamos juntos irmãos.

Enquanto isso o Stand da Comunidade Encontro recebia uma galera linda, cheia de Deus e de talento! Foi uma noite de muitos ENCONTROS. Nossa presença na FRJ torna-se como um porto seguro para os jovens. E é isso que a Comunidade Encontro quer ser sempre mais: o Espaço Jovem. Aqui, na sua casa, você pode ser você, mostrar sua cara. Para nós é importante te ouvir. Creia, amamos te encontrar e ultrapassar todo e qualquer limite superficial desse encontro. Queremos dar nossa vida por você.





Deus se movimente em nós durante toda essa semana nos fazendo sempre alegres por tê-lo encontrado! PAZ 

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Mais do que conhecer, experimentar!

"Naquele tempo Jesus desceu a Cafarnaum, cidade da Galileia, e aí ensinava-os aos sábados. As pessoas ficavam admiradas com o seu ensinamento, porque Jesus falava com autoridade. Na sinagoga, havia um homem possuído pelo espírito de um demônio impuro, que gritou em alta voz: “Que queres de nós, Jesus Nazareno? Vieste para nos destruir? Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus!”Jesus o ameaçou, dizendo: “Cala-te, e sai dele!” Então o demônio lançou o homem no chão, saiu dele, e não lhe fez mal nenhum. O espanto se apossou de todos e eles comentavam entre si: “Que palavra é essa? Ele manda nos espíritos impuros, com autoridade e poder, e eles saem”. E a fama de Jesus se espalhava em todos os lugares da redondeza." (Lucas 4, 31-37)

O homem com o espírito impuro estava na sinagoga que para os judeus era o local de oração. O espírito imundo conhecia Jesus e reconhecia quem Jesus era: Filho de Deus, o Senhor, o Messias esperado, o Santo de Deus! Portanto, falar de Jesus, saber quem Ele é, conhecê-lo, até o demônio e inclusive ele é capaz disso. Estar na presença do Filho de Deus, é possível também para o diabo. Para nós, não nos contentemos com o mero "Ah, eu sei!", "Ah, já ouvi dizer". Não basta apenas conhecer, saber quem é. Não basta apenas ouvir o que Jesus diz ou fez quando é proclamada a Sagrada Escritura, não basta apenas estar um longo tempo na sua presença. Dessa forma não estamos sendo muito diferentes dos espíritos maus. Não se escandalize com este dizer. Ele é mais verdadeiro do que assustador. É preciso experimentar o senhorio de Jesus Cristo, sua autoridade, é preciso experimentar seu amor. De fato, é necessário TER UMA EXPERIÊNCIA COM JESUS. 

Diz a Palavra, que Jesus pregava com autoridade, estava cheio do Espírito Santo, e é esta autoridade que expulsa o mal, esta força e este amor que resgatam aquele homem possesso. Jesus repreende o espírito mau, este, por sua vez, antes de sair, joga o homem no chão que não se machuca em nada e então o espírito o deixa. Todos ao redor ficam admirados com aquilo que Jesus fez. 

Este nada mais é do que o grande amor de Jesus por nós. Amor imenso, que nos resgata. Amor imenso que nos liberta. Amor imenso que nos deixa livres para fazermos as nossas escolhas ainda que estas machuquem o seu próprio coração. Amor incalculável que tenta nos seduzir diariamente a uma vida mais profunda. Amor que vai além de nossas indignidades e carências. Amor que supera qualquer mal, vício, pecado. Um amor que não tem medo das atrocidades humanas. Um amor que sabe aonde a miséria humana pode chegar e é ali que ele mora também, pra nos resgatar quando chegarmos lá. O amor de Deus supera tudo e seus incontáveis feitos de amor pela humanidade, começando por sua entrega total, livre, generosa, fiel, fecunda e dolorosa na CRUZ, não cansam de se repetir e repetir. 

A cada NÃO do homem existe uma confirmação positiva da parte de Deus, como uma afirmação de confiança sobre sua criatura. É como se Deus confiasse na originalidade de sua obra. Ele conhece as engrenagens, cada peça, cada detalhe do funcionamento e mais do que ninguém é capaz de fazer a manutenção de tudo isso. Se necessário, abrir tudo, retirar cada componente, mexer em locais inacessíveis pela criatura, desconectar, desinstalar para começar do zero e ter uma bela obra "novinha em folha". É como se Deus não cansasse de dizer, constantemente, pra sua criatura, para a obra de suas mãos que somos cada um nós, um:  "ainda dá", "vou tentar de novo", "não desistirei", "tem jeito", "tenho um plano", "abrirei outro caminho", "vou tentar por essa via". 

Não há possibilidades de resistir a esse amor. Por isso, querido irmão, não apenas saiba quem é Jesus, não apenas saiba conferir a Ele os atributos que Ele tem. Até os demônios fazem isto. De verdade, ENCONTRE com Jesus numa loucura de amor que só pode ser profundamente experimentada por aquele coração desejoso e feliz que se escancara, ao intenso e incansável amor de Deus. 

Feliz recomeço!

Deus o abençoe.






Fernanda Rosetti - Consagrada da Comunidade Encontro

ORAÇÃO A SÃO BENTO


Reze conosco:


Oh! glorioso patriarca São Bento, que vos mostrastes sempre compassivo com os necessitados, fazei que também nós, recorrendo à vossa poderosa intercessão, obtenhamos auxilio em todas as nossas aflições.
Que nas famílias reine a paz e a tranquilidade; se afastem todas as desgraças, tanto corporais como espirituais, especialmente o pecado.
Alcançai do Senhor a graça que vos suplicamos(...), obtendo-nos finalmente que, ao terminar nossa vida neste vale de lágrimas, possamos ir louvar a Deus convosco no Paraíso.

Rogai por nós, glorioso patriarca São Bento, para que sejamos dignos das promessas de Cristo”.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

TERÇO DE SÃO MIGUEL ARCANJO

Clamando a intervenção do Santo Arcanjo Miguel

Invocação InicialDescrição: spacer
- Deus, vinde em nosso auxílio;
- Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.
Glória ao Pai…

Primeira Saudação em honra ao primeiro coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste dos Serafins, para que o Senhor Jesus nos torne dignos de sermos abrasados de uma perfeita caridade.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias...


Segunda Saudação em honra a segundo coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste dos Querubins, para que o Senhor Jesus nos conceda a graça de fugirmos do pecado e procurarmos a perfeição cristã.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias...

Terceira Saudação em honra ao terceiro coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste dos Tronos, para que Deus derrame em nossos corações o espírito de verdadeira e sincera humildade.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias…

Quarta Saudação em honra ao quarto coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste das Dominações, para que o Senhor nos conceda a graça de dominar nossos sentidos, e de corrigir as nossas más paixões.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias... 
Quinta Saudação em honra ao quinto coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste das Potestades, para que o Senhor Jesus se digne proteger nossas almas contra as ciladas e as tentações de satanás e dos demônios.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias...

Sexta Saudação em honra ao sexto coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste das Virtudes, para que o Senhor não nos deixe cair em tentação, mas que nos livre de todo o mal.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias...

Sétima Saudação em honra ao sétimo coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste dos Principados, para que o Senhor encha nossas almas do espírito de uma verdadeira e sincera obediência.  Amém!
Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias…

Oitava Saudação em honra ao oitavo coro de anjos
Pela intercessão de São Miguel e do Coro Celeste dos Arcanjos, para que o Senhor nos conceda o dom da perseverança na fé e nas boas obras, a fim de que possamos chegar a possuir a glória do Paraíso.  Amém!

Glória ao Pai... Pai Nosso... Três Ave-Marias...

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Que bacana servir a Deus!

Ser de Deus é bom demais. Que bacana! Você recebe certos pagamentos, quando você começa a servir a Deus, impagáveis. A alegria é uma recompensa de servir a Deus. Quando pelo menos tentamos começar a dar o nosso melhor pra Deus, Ele já corresponde. Papa Francisco ao falar de "ir contra a corrente" quer dizer que nós temos que parar com a nossa postura antiga e cansada no serviço ao Senhor, pois somos chamados a ser LUZ. 
Precisamos parar de dar trabalho para o Padre, para o coordenador. E frases como "Ah, amanhã tem reunião da pastoral, da equipe. Nem me lembre". Isso não é ser luz, não tem nada a ver com serviço a Deus. Precisamos servir com alegria! Não existe caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho. 
Precisamos viver a cada dia apaixonadamente e perceber em tudo as alegrias, os motivos de felicidade, de vida intensamente vivida. "Alegrai-vos sempre no Senhor, repito, alegrai-vos. Seja conhecida de todos os homens a vossa bondade. O Senhor está próximo, não vos inquieteis com nada." (Filipenses 4, 4). Esta palavra vem nos dizer o quanto nossa vida deve ser marcada por uma alegria concreta e verdadeira que seja capaz de nos fazer viver de modo mais "desencanado", simples, santamente indiferente como nos ensina Santo Inácio. 
Não se preocupe tanto, não tenha medo de ser feliz, e isso remete também à descoberta da vocação, não deixe que os medos te impeçam de se tornar um jovem, um homem, uma mulher, uma família realizados! Você pode ser feliz, você tem esse direito, não tenha medo de ser feliz e viva apaixonadamente.

Daniel Pereira - Co-fundador da Comunidade Encontro

Abra as portas para a felicidade:


terça-feira, 9 de setembro de 2014

O ENCONTRO que mudou minha vida

Eu sou Mickaele, tenho 18 anos e com muita alegria venho partilhar com vocês um pouquinho da minha história e o quanto a Eucaristia mudou e muda minha vida.
Fui criada dentro da Igreja Católica e fui praticamente catequizada por minha mãe, sempre tive uma base cristã muito forte e com isso cumpria de forma rígida as doutrinas da Igreja. Estava sempre presente nas missas, mas não a via como parte indispensável da minha vida. Aos 13 anos tive meu primeiro encontro de forma íntima com o Senhor, em um Seminário de Vida Plena no Espírito Santo, fiquei apaixonada e com sentimentos revirados dentro de mim, fui tomada de uma felicidade incrível.
Logo após esse encontro me deixei seduzir pelas coisas do mundo, pecados que me eram apresentados de forma muito bonita, foram tomando minha vida. Comecei a me relacionar com um rapaz e para superar traumas vividos em outro relacionamento, começamos a ter uma relação desregrada e cheias de falhas. Não demorou muito e esse relacionamento começou a me trazer frutos dolorosos,  desenvolvi uma depressão fortíssima. As traições, a vida sexual desregrada e toda a auto-estima baixa, me levaram a um afastamento muito grande de Deus.
Foi quando depois de praticamente três anos de relacionamento, resolvi acabar com tudo e me “valorizar”. Comecei a malhar e a me entupir de anabolizantes e suplementos caros, passei a chamar a atenção de vários homens e achava que aquilo me preenchia. Me relacionava com muitos caras diferentes, mas sempre ia dormir vazia, me sentia suja e infeliz. Era presença certa nas festas, bebia muito, cheguei a usar balinha (ecstasy) e gastava com roupas caras em busca de saciar uma sede que não sabia de onde vinha, ou melhor, sabia, mas não queria enxergar. Durante esse período de afastamento, fiquei dois anos sem comungar e me confessar.
Então no carnaval deste ano de 2014, vi no facebook de um amigo a arte do evento “Somos da Paz”, da Comunidade Encontro, relutei o máximo que pude para fazer a inscrição, uma amiga teve que insistir muito para que eu a fizesse. Chegou o dia do tal evento e fui sozinha com muita insistência da minha mãe, os amigos não foram e minha vontade era de sumir de lá, cheguei a voltar, com a desculpa de não ter dinheiro e de estar sozinha, mas O Amor já tinha preparado tudo, e até dinheiro minha prima achou e me deu. Enfim, não resisti mais e fiquei em Betesda. E fui deixando-me seduzir, porém ainda com reservas.
Na Santa Missa da segunda-feira dia 03 tudo mudou. A liturgia falava sobre o jovem rico que indagou Jesus sobre como entrar no céu, aquele evangelho causou em mim um santo incômodo e comecei a cogitar a possibilidade de viver de forma radical e buscar a santidade.  Porém ainda faltava algo para que eu entendesse o que eu estava fazendo ali.
Então chegou a hora da comunhão, eu já estava há muito tempo sem comungar e somente me ajoelhei para fazê-la de forma espiritual, porém para minha grande surpresa e conversão, escutei fisicamente um homem me gritando: “VEM! DO JEITO QUE VOCÊ TÁ. VEM, EU TÔ COM SAUDADE!” Abri os olhos desconfiada, mas em lágrimas percebi que não se tratava da voz de alguém próximo, mas sim da voz Daquele que me aguardava ansiosamente lá no altar. E fui comungar. Ao entrar em contato com minha boca senti que a hóstia consagrada tinha gosto de carne crua, e senti também de forma física, alguém me abraçando. Não consigo encontrar palavras que descrevam meus sentimentos naquele momento, só posso dizer que me senti profundamente amada.
Depois dessa experiência incomparável, me confessei e nunca mais deixei meu Senhor sozinho nas capelas como Ele mesmo me diz todas as vezes que vou recebê-lo . No outro dia do evento senti a confirmação de um chamado que há alguns anos sentia arder em meu coração, o de viver com o sagrado e assumir minha vocação. 

Jesus me roubou para Ele, como gosto de dizer, hoje vivo para que minha vida não seja mais minha. Sou uma vocacionada da Comunidade Encontro, quero levar esse amor que sinto a todos que me for permitido encontrar, amo a Santa Missa e quero viver essa conversão diariamente através do encontro com Jesus Eucarístico, comigo mesma e com ou outros. Quero ser santa!

Crescer no Espírito e na fé

A fé me leva ao verdadeiro sentido de minha vida. Minha vida tem que ser conduzida pelo Espírito Santo e com responsabilidade de mudar e crescer sempre pra nunca dizer que é assim mesmo com apegos, desejos que são alimentados diariamente.
Aquele que caminha na fé despoja-se e tem sentido sua vida. Ele também é livre, é feliz, sorri mais e sempre. Ele descobre que há  uma alma e busca as coisas do alto, e com certeza vive melhor, pois quem tem fé, uma religião supera os obstáculos.
A fé nos leva a partilha, comunhão, nos liberta do egoísmo, da distância e nos faz sair de nós mesmos. E quando é vivida de verdade com compromisso, colocando o EVANGELHO em prática, vivendo para o outro com renúncias de si mesmo nos faz feliz.
Essa é a vontade de DEUS para nós: que cresçamos no Espírito e na fé para descobrirmos a beleza de uma humanidade que não acaba na morte, pois há uma eternidade. Isso é maravilhoso. Fingir que crer é pior do que não crer. É um risco, isso é um perigo. Minha vida não é uma pequenez horrível, mas pela fé posso mudar, pois sou grande e capaz de mudar tudo. Existem medos que querem matar minha fé, não posso ter medo da fé, medo das regras de minha Comunidade. Esses medos não me fazem criar raízes, mas desconfiar de meus irmãos, do meu fundador e pode matar o carisma por defesa de minhas vontades.

Há algo maravilhoso que é avançar, não ficar na margem, mas ir além, ser feliz, amar sem medo com amor, doação. Eu preciso sair do controle logo, ouvir CRISTO, deixar o que me prende, as coisas, pra ter um sentido de vida e suportar as dores. Meus DEUS, eu quero isso, chega por hoje, tira-me do lugar SENHOR. Pede-me JESUS o que quiseres, eu aceito deixar agora, fala-me CRISTO. Não dá mais pra voltar, não dá mais pra negar, o mar é DEUS e o barco sou eu. Sensibiliza-me JESUS, torna-me dócil a TI pra nunca mais ser o mesmo. Agora eu sei que cresci, deixo-me moldar por TI pra sempre.

domingo, 7 de setembro de 2014

Ucrânia, Lesoto e Iraque: a preocupação e a oração de Francisco

No final do Angelus deste domingo, na Praça S. Pedro, o Papa Francisco manifestou sua preocupação por três conflitos em andamento: Ucrânia, Lesoto e Iraque.
O Pontífice mencionou os “passos significativos” na busca de uma trégua na Ucrânia oriental, não obstante tenha ouvido hoje notícias pouco confortantes. “Todavia, faço votos de que possam provocar alívio à população e contribuir aos esforços por uma paz duradoura. Rezo para que, na lógica do encontro, o diálogo iniciado possa prosseguir e produzir o fruto esperado.”
Dirigindo-se ao continente africano, o Papa se uniu ao apelo de paz lançado pelos Bispos de Lesoto, depois do golpe militar de uma semana atrás. “Condeno todo ato de violência e peço ao Senhor para que no Reino de Lesoto se restabeleça a paz na justiça e na fraternidade.”
Por fim, Francisco manifestou seu apreço pela obra “generosa e concreta” da Cruz Vermelha Italiana, que neste domingo envia cerca de 30 voluntários para a região de Irbil, no Iraque, onde se concentram milhares de deslocados. “Abençoo todas as pessoas que buscam concretamente ajudar os nossos irmãos perseguidos e oprimidos.”

Fonte: news.va

terça-feira, 2 de setembro de 2014

#EncontrosSalvam


Paz e Bem para você
ENCONTROS SALVAM.
A Comunidade Encontro acredita nessa verdade.
Temos encontrado e mudado a vida de milhares de jovens que estavam perdidos, mas que agora vivem uma vida digna, livre e feliz. Isso não pode parar.
Queremos te pedir uma ajuda: contribua com a quantia que puder, depositando ou ligando para gente (28) 3518-6915. Sua ajuda é muito necessária neste momento pois estamos com dívidas atrasadas, trazendo-nos grandes problemas. Vivemos da providência e precisamos da colaboração de todos. Obrigado e que Deus te abençoe.
PROJETO BETESDA ENCONTRO
C/C 14050 – 3 AG: 3298-0 BANCO DO BRASIL.
SALVE UM JOVEM. AJUDE-NOS A ENCONTRÁ-LOS.


Somos os mais felizes

Há uma alegria, um vigor, uma força, um espírito que nos move sempre  pra encontrarmos e transbordarmos nossa vocação.
Precisamos buscar, descobrir e encontrar isso dentro de nós sempre para sermos felizes. E isso acontece quando queremos encontrar com as pessoas, consigo mesmo e com DEUS, na liberdade de filhos amados. Isso é lindo demais. Experimentamos uma paz quando agimos assim e, acredite, é possível viver dessa forma, DEUS nos chama à isso todo dia.
Não pode ser pesado, triste, arrastado e sem fé a busca por uma vocação, mas devemos lutar e sair de nós mesmos muitas vezes para fazermos o que não queremos e sim o que DEUS quer. Nós temos que parar com isso logo, pois temos as ferramentas certas, mas usamos de forma errada, temos as armas certas, mas atiramos pra qualquer lugar. Por que fazemos isso sempre e somos tão ingratos com nossa vocação? Já chega de perdermos tanto tempo, a hora é agora e nós já sabemos o que fazer.
Não vamos ficar em cima do muro mais, mas vamos arriscar logo pra vivermos a liberdade que a vocação nos dá. Temos que entender isso, com nossa vocação somos felizes e vamos fazer muitas pessoas felizes e isso é  maravilhoso. Não pode parar em mim ou só para mim, não é assim que DEUS quer, ELE quer uma entrega e liberdade capaz de mudar tudo em nós e nas pessoas. Muda mesmo e não paramos mais, queremos  muito mais, achamos que todo dia está pouco, a sede é muito grande e queremos ir mais longe. Há uma alegria, força e um Espírito que nos move sempre, 24  horas por dia na grande verdade: nós somos felizes sim com nossa vocação. É isso que temos que proclamar sempre aos quatro cantos do mundo.
Somos felizes sim com nossa vocação! E temos que vivê-la com alegria sempre, pois faz um bem enorme para a alma, o corpo, as pessoas e para a IGREJA. Vamos viver bem nossa vocação onde estivermos, seja lavando, cozinhando, cantando, dançando, rezando ou escrevendo; o que importa é onde está nosso coração e assim podemos dizer ao mundo que somos os mais felizes e livres por vivermos assim; isso é verdade mesmo e ao praticarmos vamos dizer todo dia ao mundo e a todo homem: somos os mais felizes porque respondemos ao Senhor "eis-nos aqui".

Marcio Santos - Missionário Consagrado da Comunidade Encontro