Pular para o conteúdo principal

Postagens

Postagem em destaque

TERÇO JOVEM

Nosso fundador, Clayton, inspirado por Deus escreveu esse TERÇO com a intenção de que os JOVENS pudessem rezá-lo devotamente e tornarem cada vez mais fiéis a Deus perseverantes na busca pela santidade, e guiados pelo Espírito Santo, atearem fogo no mundo.


Reze sozinho, reze com seus amigos e também nos ajude a propagar esse TERÇO JOVEM, pois é vontade de Deus que a juventude o conheça.
INÍCIO - Creio. - 1 Pai Nosso. - 1 Ave Maria. - Intenções

PRIMEIRA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Em nome de Jesus posso ser Santo sem deixar de ser jovem."
SEGUNDA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Senhor, que eu use minhas energias e criatividade para o bem de todos."
TERCEIRA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Jesus Cristo, santificai minha afetividade e sexualidade."
QUARTA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Senhor, que eu faça a diferença por onde passar."
QUINTA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Jesus, pela ação do Teu Espírito em mi…
Postagens recentes

"Fratelli tutti" - Nova Encíclica do Papa Francisco

"Fratelli tutti” é o título que o Papa estabeleceu para sua nova encíclica dedicada, como lemos no subtítulo, à "fraternidade" e à "amizade social". O título original em italiano permanecerá assim - portanto sem ser traduzido - em todos os idiomas em que o documento for distribuído. Como se sabe, as primeiras palavras da nova "carta circular" (este é o significado da palavra "encíclica") são inspiradas no grande santo de Assis cujo nome o Papa Francisco escolheu.
Enquanto esperamos para conhecer o conteúdo desta mensagem, que o Sucessor de Pedro pretende dirigir a toda a humanidade e que assinará no próximo dia 3 de outubro no túmulo do santo, nos últimos dias assistimos a discussões com relação à única informação disponível, ou seja, o título e seu significado. Como é uma citação de São Francisco (encontrada nas Admoestações, 6, 1: FF 155), o Papa obviamente não a alterou. Mas seria absurdo pensar que o título, em sua formulação, contenha q…

O martírio da verdade

Não temos a pretensão de possuir a verdade, mas de sermos possuídos por elaUma das notas mais características do Cristianismo é o fato de ser ele uma religião revelada, quer dizer, seu fundamento não se encontra simplesmente na busca pelo homem de uma relação com um ser que o transcenda, mas numa iniciativa do próprio Criador, que, em sua sabedoria e bondade, veio ao encontro do homem, revelando-se e comunicando-se a Si mesmo. É Deus, portanto, que em Cristo nos mostra plenamente qual o caminho para chegarmos a Ele. Jesus Cristo, o Verbo de Deus Encarnado, é o Caminho, a Verdade e a Vida, e ninguém vai ao Pai, senão por Ele.      Foto: Wesley Almeida / cancaonova.comNós cristãos não criamos uma religião à nossa medida, ao nosso gosto, mas de Deus mesmo recebemos o modo de nos unirmos a Ele. Talvez, se a tivéssemos criado, não teríamos “escolhido” uma redenção por meio da cruz, tampouco tantas verdades incômodas segundo os nossos padrões. Sim, como afirmou o escritor britânico C. S. Lew…

Encantar-se com a verdade que liberta

É necessário olhar as dificuldades na raiz do problema
Encantar-se com a verdade pode ser importante indicativo para a recondução da sociedade na direção do bem e da justiça. O conhecimento da verdade e sua prática confeccionam o tecido de uma cultura assentada na solidariedade e na competência de prezar os valores e respeitar, incondicionalmente, a dignidade de cada pessoa. Não basta a referência à verdade objetiva de fatos e acontecimentos tratada nos parâmetros da verdade jurídica. Embora seja esse curso indispensável para equilibrar os compassos intocáveis no funcionamento de uma sociedade, não tem a força preventiva e educativa necessária. É semelhante ao apagar o fogo de incêndios que surgem a todo momento e vão se agravando, em quantidade e intensidade. Assim, torna-se impraticável dominar as labaredas em curto prazo, sem atingir a base do fogo, a exemplo do que ocorre, na atualidade, com o sistema prisional, que exige reformas radicais. A verdade que liberta
O processo de encanta…

O perigo das meias verdades

À medida que cresce na mídia a tendência do “politicamente correto”, que, na versão católica doPapa Bento XVI, pode-se traduzir como “ditadura do relativismo”, alguns católicos, líderes e, às vezes, pregadores parecem ter medo de assumir a verdade integral pregada pela Igreja. Nota-se certo receio de “ir contra a corrente”, contra a vontade da maioria, esquecendo-se de que Jesus é “sinal de contradição”, e que por isso foi perseguido e crucificado, para não deixar de dar testemunho da verdade que salva. A verdade não depende da maioria, mas de si mesma. A verdade é fundamental; por isso o Papa tem sido seu paladino incansável. O Catecismo da Igreja Católica (CIC) diz que o que salva é a verdade: “Com efeito, ‘Deus quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade’ (I Tm 2,4). Deus quer a salvação de todos pelo conhecimento da verdade. A salvação está na verdade” (CIC § 851). Sem a verdade não há salvação. Jesus disse diante de Pilatos que veio ao mundo “para dar…

O que significa a Exaltação à Santa Cruz?

A Igreja celebra a Festa da Exaltação da Santa Cruz no dia 14 de setembro. Essa festa vem dos primórdios da cristandade, porque a morte do Senhor sobre a Cruz é o ponto culminante da Redenção da humanidade. A glorificação de Cristo e a nossa salvação passam pelo suplício da Cruz. Cristo, encarnado na Sua realidade concreta humano-divina, se submete voluntariamente à humilde condição de escravo (a cruz era o tormento reservado para os escravos) e o suplício infame transformou-se em glória perene). A partir dai a cruz passou a ser o sinal da salvação.Os apóstolos resumiam sua pregação no Cristo crucificado e ressuscitado dos mortos, de quem provêm a justificação e a salvação de cada um. São Paulo dizia que Cristo cancelou “o documento escrito contra nós, cujas prescrições nos condenavam. Aboliu-o definitivamente, ao encravá-lo na Cruz” (Cl 2,14). É por isso que cantamos na celebração da adoração da santa Cruz na Sexta-Feira Santa: “Eis o lenho da cruz, do qual pendeu a salvação do mundo…

CARDEAL SARAH: Missa "virtual" não substitui participação pessoal na Missa

Em Carta aos presidentes das Conferências Episcopais, o cardeal Roberth Sarah afirma a necessidade de voltar à normalidade da vida cristã, nos locais onde a emergência sanitária provocada pela pandemia o permite: participar de uma Missa pelos meios de comunicação não é equiparável à participação física na igreja.
É urgente voltar à normalidade da vida cristã com a presença física na Missa, nos locais onde as circunstâncias o permitirem: nenhuma transmissão é equiparável à participação pessoal ou pode substituí-la.
É o que afirma o cardeal Robert Sarah, prefeito da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, em uma Carta sobre a celebração da liturgia durante e depois da pandemia de Covid-19, intitulada "Voltemos com alegria à Eucaristia!". O texto, dirigido aos presidentes das Conferências Episcopais da Igreja Católica, foi aprovado pelo Papa Francisco no último dia 3 de setembro.
Dimensão comunitária da vida cristã
“A pandemia devido ao coronavírus - escreve…

Meu caminho de santificação é o Carisma!

Se procuro uma resposta, se preciso de uma resposta, é porque dentro do meu coração algo está inquieto e quer compreender, existe um vazio que precisa ser preenchido, há um desejo de conhecer e o meu interior precisa ser iluminado pela luz da verdade que me libertará das minhas prisões interiores, “conhecereis a verdade e a verdade vos livrará.” (João 8,32). Então obviamente eu preciso encontrar essa resposta e esse encontro me trará paz interior. A partir daí, toda a minha busca se encerra em um ENCONTRO. Ele que fará toda a diferença pra minha vida, pra vivência da minha vocação. 
O Senhor nos prometeu em seu Evangelho: “Pedi e se vos dará. Buscai e achareis. Batei e vos será aberto. Porque todo aquele que pede, recebe. Quem busca, acha. A quem bate, abrir-se-á.” (Mat. 7,7s). Basta então que obedeçamos ao nosso Senhor e creiamos que Ele nos dará o que pedimos, nos fará encontrar o que buscamos e abrirá todas as portas que precisam ser abertas para que isso aconteça.  Se Deus plantou e…