Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2020

Cuidas de mim

Confiai-lhe todas as vossas preocupações, porque ele tem cuidado de vós. (1 Pe 5,7) O Senhor tem cuidado de nós, Ele sabe das nossas preocupações. No momento de nossa aflição e de nossa preocupação, não estamos sozinhos, Deus está conosco. Mas quem é Deus? Ele é o Pai das Misericórdias e cuida de nós. O Senhor se rebaixa ao nosso tamanho para estar conosco e nunca nos deixar sozinhos. Ele é o Deus de toda consolação e está nos oferecendo alento. Ele é presença que consola os medos do nosso coração. Confiemos a Deus todas as nossas preocupações, não só as que sabemos que se resolverá ou as que já desistimos. Ele nos vê e cuida das nossas preocupações. “Sede sóbrios e vigiai. Vosso adversário, o demônio, anda ao redor de vós como o leão que ruge, buscando a quem devorar” (1 Pe 5,8). Nosso adversário não são os nossos problemas nem as pessoas que os causam, mas sim o demônio. Não podemos ser ingênuos na vida espiritual, precisamos acordar dessa ilusão que vivemos e entende

Namoro: um dom de Deus!

Namoro verdadeiro é iluminado por um ideal, um valor objetivo, a realização de si e do outro O namoro é um encontro de duas pessoas. Encontro original, diferente, tocante, envolvente. Começa carregado de impulso, instinto, atração. Traz, porém consigo, horizontes maiores, surpresas arrebatadoras, descobertas e sonhos fascinantes. O namoro tem rumo, direção, objetivo. Não é um encontro qualquer. Não é epidérmico, nem destinado ao surfismo, à superficialidade, mas às profundezas e às alturas. No namoro encontram-se duas histórias, duas consciências, dois futuros, duas necessidades, duas diferenças, dois mistérios que irão se olhar, se acolher, dialogar, sorrir, desabafar, confidenciar, confiar, decidir e conviver. O namoro é porta de entrada em direção à vida, ao amor, à família, à paternidade. O namoro humano acontece mais na alma, no coração, na intenção, na consciência do que no corpo. Como é pobre, equivocada, vazia e frustrante a experiência do namoro onde só rola pa

Por que Jesus Cristo está na eucaristia?

Muitos ficam angustiados, porque Jesus esconde a Sua glória na Eucaristia, mas Ele precisa fazer isso para que o brilho de Sua majestade, como o rosto brilhante de Moisés, não ofusque a nossa vista, impedindo-nos de chegar a Ele. Ele esconde também as Suas virtudes, porque, se a víssemos, ficaríamos humilhados e, quem sabe, desesperados por jamais poder atingir tal perfeição. Tudo para podermos nos achegar a Ele sem medo. Jesus desce até o nada, na hóstia consagrada, para que desçamos com Ele e sintamos profundamente o que Ele disse: “Vinde a mim. Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração”. Por isso, podemos chegar a Jesus com toda confiança, porque Ele já retirou todos os obstáculos para chegarmos a Ele; e espera que não sejamos nós a colocar esses empecilhos com os nossos medos e escrúpulos. Jesus nos ama tão radicalmente, na Eucaristia, que se submete a nós em tudo. Ele desce do Céu tão logo o sacerdote pronuncia as palavras da consagração. Ele obedeceu silenci

TESTEMUNHO: Deus não vale a pena, vale a vida

Sou Alice, tenho 24 anos. Sou vocacionada da Comunidade Encontro, na etapa formativa Juniorado. Sempre tive sede de Deus, a minha vida parecia estar "legal" até Deus entrar e "bagunçar", ou melhor, começar a colocar tudo no seu devido lugar. Conheci o Carisma, tive contato, mas só em outro contato permiti que Ele entrasse. Quando o pregador nesse segundo momento de encontro falou que tinham pessoas que serviam na Igreja, mas que Deus falava que ali não era o seu lugar mais. Logo percebi que era comigo. E assim começou a aventura mais incrível da minha vida. Fiz vocacional no Carisma Encontro em 2014. E eis-me aqui seis anos depois falando que não parei e que essa foi a melhor escolha da minha história. Entendendo que os planos de Deus não valem a pena... Valem a vida.  Chamada a encontrar diariamente com Deus, com os irmãos e comigo mesmo. Aqui nessa vivência e nesse chamado, sou impulsionada a me deixar o tempo todo para ser mais de Deus, para me dar a ser

VIDA SIM, ABORTO NÃO!

O Supremo Tribunal Federal (STF) agendou para amanhã, dia 24 de abril o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade – ADI 5581 –, que versa sobre a liberação do aborto em caso de Zika vírus. Devido às malformações a que está associada a doença (microcefalia e outras desordens neurológicas), seria necessário garantir às mulheres um suposto “direito” de matar os seus próprios filhos. O julgamento tinha sido adiado em maio do ano passado após pressão de diversos movimentos pró-vida. A votação está prevista para acontecer de forma virtual. E nós católicos, o que devemos fazer? Nós que somos TOTALMENTE contrários ao aborto (em qualquer um de seus disfarces), não podemos nos calar diante do que está acontecendo perante os nossos olhos, claramente, como mais uma usurpação da soberania popular. Se numa democracia todo o poder emana do povo, não pode ser que o Poder Judiciário simplesmente legisle (quando já isso não é de sua competência), e ainda mais contra o que quer a maior

Christus vivit: jovens "em saída" que não conhecem o sofá

Christus vivit (parágrafos 168-178)  Jovens comprometidos 168. É verdade que às vezes, perante um mundo cheio de tanta violência e egoísmo, os jovens podem correr o risco de se fechar em pequenos grupos, privando-se assim dos desafios da vida em sociedade, dum mundo vasto, estimulante e necessitado. Têm a sensação de viver o amor fraterno, mas o seu grupo talvez se tenha tornado um simples prolongamento do próprio eu. Isto agrava-se, se a vocação do leigo for concebida unicamente como um serviço interno da Igreja (leitores, acólitos, catequistas, etc.), esquecendo-se que a vocação laical é, antes de mais nada, a caridade na família, a caridade social e caridade política: é um compromisso concreto nascido da fé para a construção duma sociedade nova, é viver no meio do mundo e da sociedade para evangelizar as suas diversas instâncias, fazer crescer a paz, a convivência, a justiça, os direitos humanos, a misericórdia, e assim estender o Reino de Deus no mundo. 169. Proponho a

TERÇO JOVEM

Nosso fundador, Clayton, inspirado por Deus escreveu esse TERÇO com a intenção de que os JOVENS pudessem rezá-lo devotamente e tornarem cada vez mais fiéis a Deus perseverantes na busca pela santidade, e guiados pelo Espírito Santo, atearem fogo no mundo. Reze sozinho, reze com seus amigos e também nos ajude a propagar esse  TERÇO JOVEM , pois é vontade de Deus que a juventude o conheça. INÍCIO - Creio. - 1 Pai Nosso. - 1 Ave Maria. - Intenções PRIMEIRA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Em nome de Jesus posso ser Santo sem deixar de ser jovem." SEGUNDA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Senhor, que eu use minhas energias e criatividade para o bem de todos." TERCEIRA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Jesus Cristo, santificai minha afetividade e sexualidade." QUARTA DEZENA - 1 Pai Nosso. - Repete 10 vezes: "Senhor, que eu faça a diferença por onde passar." QUINTA DEZE

PAPA FRANCISCO: A misericórdia não abandona quem fica para trás.

"A misericórdia não abandona quem fica para trás." Papa alerta para o vírus da indiferença “Nesta festa da Divina Misericórdia, o anúncio mais encantador chega através do discípulo mais atrasado. Só faltava ele, Tomé. Mas o Senhor esperou por ele. A misericórdia não abandona quem fica para trás”, disse o Papa ao celebrar a missa do II Domingo de Páscoa na Igreja do Espírito Santo 'in Sassia'. Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano O Papa Francisco deixou o Vaticano esta manhã para percorrer poucos metros até a Igreja do Espírito Santo ‘in Sassia’, ao lado da Cúria Geral dos Jesuítas, para celebrar a missa deste II Domingo de Páscoa. E o fez no mesmo lugar onde, 20 anos antes, São João Paulo II instituiu o Domingo da Misericórdia ao canonizar a polonesa Ir. Faustina Kowalska. Como nos ritos da Semana Santa, não havia fiéis. Na  homilia , o Pontífice comentou o Evangelho de João e a semana que os discípulos transcorreram depois da ressurreição do Mestr

Christus vivit: a amizade é um grande presente de Deus

"Christus vivit", a Exortação apostólica do Papa Francisco. “ Já não vos chamo servos, mas amigos”, diz Jesus aos seus discípulos. A amizade, escreve o Papa, não é uma “relação fugaz e passageira”, mas uma sólida “relação de afeto que nos faz sentir unidos”. Christus vivit (parágrafos 150-157) Na amizade de Cristo 150. Por mais que vivas e experimentes, nunca chegarás às profundezas da juventude, nem conhecerás a verdadeira plenitude de ser jovem, se não te encontrares cada dia com o grande Amigo, se não viveres na amizade de Jesus. 151. A amizade é um presente da vida e um dom de Deus. Através dos amigos, o Senhor purifica-nos e faz-nos amadurecer. Ao mesmo tempo, os amigos fiéis, que permanecem ao nosso lado nos momentos difíceis, são um reflexo do carinho do Senhor, da sua consolação e da sua amorosa presença. Ter amigos ensina-nos a abrir-nos, a compreender, a cuidar dos outros, a sair da nossa comodidade e isolamento, a partilhar a vida. Por isso, «nada

Papa Francisco: Aprender a arte a paz

Francisco: a “paz” de alguns corresponde à “guerra” de outros. Esta não é a paz de Cristo "Aqueles que aprenderam a arte da paz e a exercitam são chamados filhos de Deus, sabem que não há reconciliação sem o dom da vida, e que a paz sempre deve ser buscada", disse o Papa em sua catequese. Mariangela Jaguraba - Cidade do Vaticano A catequese do Papa Francisco, desta quarta-feira (15/04), realizada na Biblioteca do Palácio Apostólico por causa da pandemia de coronavírus, foi dedicada à  sétima Bem-aventurança:  “Felizes os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus”. “Para entender essa bem-aventurança, é preciso explicar o  significado da palavra “paz”, que pode ser mal entendido ou banalizado” , disse o Pontífice. Duas ideias de paz Segundo Francisco, “devemos nos orientar entre  duas ideias de paz: a primeira é  bíblica, onde aparece a bela palavra shalòm, que expressa abundância, prosperidade e bem-estar.  Quando em hebraico se deseja sha

TESTEMUNHO: Encontrei Deus, te encontrei, me encontrei

Eu sou Bruna Bittencourt Macêdo, tenho 24 anos, natural de Muniz Freire – ES, morei em Iúna e foi lá que conheci o Carisma que roubou para sempre o meu coração. Eu nunca tive planos pessoais de viver uma vida inteira para Deus, ao contrário, andava bem distante disso. Mas tendo o primeiro contato com a Comunidade Encontro no dia 23 de Agosto de 2013, nada de extraordinário aconteceu comigo, mas Deus e encontrou ali da forma que Ele já me esperava há anos. Tempos depois fui percebendo que minha vida era vazia e que todos os meus planos não estavam me levando a lugar algum, então resolvi ir em busca daquilo que pulsava o meu coração Para me provar e ter meu coração roubado por inteiro, passei por momentos muito difíceis, dos quais poderiam me fazer desistir para sempre. Em meio a toda essa loucura divina em minha vida, meu pai veio a falecer e por instantes percebi que estava sem chão; porém as batidas do meu coração, que queriam seguir o ritmo da vontade de Deus eram maiores q

CRISTO VIVE E TE QUER VIVO!

A notícia mais importante de todos os tempos para a humanidade é que Cristo ressuscitou! Nós somos chamados e enviados para anunciar que Jesus, através de sua ressurreição venceu a morte e o pecado e nos garantiu a VIDA! VIDA ETERNA! VIDA EM ABUNDÂNCIA! O mal e a morte estão presentes no nosso mundo, mas não têm mais a última palavra; Cristo ressuscitado venceu-os para sempre. Com Cristo, nós também venceremos o mal que nos cerca; com Cristo passaremos da morte para a vida. Mais uma vez, o anúncio da ressurreição do Senhor vem tornar mais firme a nossa ESPERANÇA diante da realidade em que o mundo está vivendo, pois Cristo ressuscitou, CRISTO ESTÁ VIVO E NOS QUER VIVO! Ele nos orienta e caminha conosco tanto nos momentos bons, quanto nos momentos ruins e difíceis da vida. Que como os discípulos de Emaús, nos deixemos envolver pessoalmente pelo Ressuscitado e, assim, nos tornarmos melhores discípulos e missionários d’Ele. Que Jesus ressuscitado sempre se faça presente em noss