Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2019

Oficina de Formação e Oração

"O cristão do Século XXI ou será místico ou não será um cristão."  A Oficina de Formação e Oração brotou do coração de Deus para o coração da Comunidade Encontro, tendo por objetivo levar as pessoas a uma verdadeira maturidade espiritual, para suportar os "perigos" dos últimos tempos. Precisamos nos transformar em homens e mulheres de fé, de vigor, de amizade com Cristo, combatentes, que realmente façam a diferença no mundo. Por isso, a partir do dia 24 de Abril, acontecerá na Casa de Maria, todas as quartas-feiras às 19h a Oficina de Formação e Oração, e nos aperfeiçoaremos em um tema específico mensalmente, ou seja, nos formaremos durante um mês sobre aquele tema proposto, ( cura, libertação, fim dos tempos, combate, exercícios espirituais, dentre muitos outros... ).  Operários da última hora é o que Deus deseja nos tornar! Amamos te encontrar!

Sexta-feira Santa, o Mistério da Cruz

Sexta-feira Santa é o dia do silêncio e da adoração, dia no qual se medita com a Via-Sacra a Paixão de Cristo e se repercorre com Jesus o caminho da dor que leva à sua morte, uma morte que, sabemos, não é para sempre Cidade do Vaticano Depois disso Jesus, sabendo que tudo estava consumado, e para que se cumprisse a Escritura, disse: “Tenho sede”. Havia ali uma jarra cheia de vinagre. Amarraram num ramo de hissopo uma esponja embebida de vinagre e a levaram à sua boca. Ele tomou o vinagre e disse: “Está consumado”. E, inclinando a cabeça, entregou o espírito” (Jo 18, 28-30). Hoje as igrejas estão silenciosas. Na liturgia não há canto, não há música e não se celebra a Eucaristia, porque todo espaço é dedicado à Paixão e à morte de Jesus. Ajoelhamo-nos, para simbolizar a humilhação do homem terreno e a coparticipação ao sofrimento do Senhor. Porém, não é um dia de luto, mas um dia de contemplação do amor de Deus que chega para sacrificar o próprio

Domingo de Ramos

Chegamos às portas da Semana Santa. Passo a passo, fomos nos aproximando do cenário no qual Outro pagou a nossa conta. Estamos, também nós, nessa multidão amontoada naquele dia de festa judaica. Eles e nós temos, sempre, certas escuridões que pedem para ser iluminadas, certas mortes que esperam ser ressuscitadas. Nós estávamos lá. E o que aconteceu lá, para nós acontece hoje. Em Jerusalém existia o costume de dar as boas-vindas aos peregrinos que chegavam para celebrar a Páscoa com as palavras do salmo 118:  “Bendito o que vem em nome do Senhor!”.  Jesus não foi exceção. Ele enviou previamente dois discípulos para que trouxessem um jumentinho e, se alguém estranhasse e perguntasse o porquê, deveriam responder:  “O Senhor precisa dele” . Um humilde portador de quem vem como rei em nome de Deus. A tradição iconográfica mostra mais vezes um jumento junto a Jesus: na viagem de Nazaré a Belém, quando Maria levava em seu seio Aquele que nasceria sem o abrigo de uma pousada; na cova do

VOCACIONAL ENCONTRO 2019

"Os dois discípulos ouviram-no falar e seguiram Jesus. Voltando-se Jesus e vendo que o seguiam, perguntou-lhes: Que procurais? Disseram-lhe ' Rabi (Que quer dizer Mestre), onde moras?', -'Vinde e vede' - respondeu-lhes Ele. Foram aonde Ele morava e ficaram com Ele aquele dia." Jo 1, 37-39a  VINDE E VEDE ver o coração do Carisma Encontro que pode estar batendo aí dentro do seu peito também! Sente-se chamado? Faça sua inscrição. AMAMOS TE ENCONTRAR!  Carregando…