Google+ Julho 2017 ~ Comunidade Encontro

Clique e ouça!

24h de música católica para você!

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Consagração, Unidade e Eucaristia: a noite do Carisma Encontro

Não foi uma noite qualquer! Necessito iniciar essa partilha com essa frase, caro leitor, porque de fato não foi uma noite qualquer.
Nosso grande dia 11 de Julho de 2017, dia de São Bento, foi FELIZMENTE marcado pela Missa de Consagração e Renovação dos Compromissos onde a plenitude do Carisma foi experimentada em nossa Casa: o Encontro.
Iniciando com o ENCONTRO conosco mesmos onde dentro da Santa Missa dois irmãos professaram os compromissos de Consagração ao Carisma como pertença de aliança, os membros renovaram sua consagração e os vocacionados o compromisso de fidelidade no caminho; nesse momento um novo se inaugura em nossas vidas, um ciclo é encerrado e outro se inicia com nossas forças restauradas e corações mais enraizados no Carisma.
Depois na Eucaristia o maior dos ENCONTROS: com Deus, ápice da nossa fé e também grande alegria para nós, pois após a Comunhão tivemos o Santíssimo entronizado na Capela Nossa Senhora de Fátima em nosso Centro de Evangelização, gritos de júbilo e louvor sem fim são dados por tamanha graça, sendo maior ainda a realização por nesse ENCONTRO com Deus podermos ter experimentado também o ENCONTRO com as pessoas, pela presença de tanto amigos, familiares e benfeitores, mas também pela unidade com a Santa Igreja manifestada na presença de todas as Novas Comunidades de nossa Diocese e membros da RCC e outros movimentos com as “Mães que oram pelos filhos”.
Grande graça! Imenso carinho do Senhor pelas mãos de Maria nesse Ano Mariano no Brasil e Ano Sabático para nós Comunidade Encontro. Uma noite histórica!
Será impossível e quase inválido eu tentar transcrever o enorme transbordar do Carisma Encontro naquela noite do dia 11, mas ousadamente deixo aqui o meu relato, para que, mesmo tão pequeno, você possa sentir uma gota do amor que foi transbordado na noite da plenitude dos ENCONTROS do nosso Carisma.


Karla Maria - Discipulado Com. Encontro 

segunda-feira, 17 de julho de 2017

A Comunidade Colo de Mãe realiza Retiro de Cura Interior

A Comunidade Católica Colo de Mãe, de Cachoeiro de Itapemirim - ES, promove nos dias 22 e 23 de Julho de 2017, em Gironda, na Casa de Retiro Santa Lúcia o Retiro de Oração por Cura Interior com o tema: "Ele tomou sobre si nossas feridas." Is 53, 4. 

Será um retiro muito forte que conta com as presenças de Lucas José Fiorio - Cofundador da Comunidade Colo de Mãe e Padre Antonello da Comunidade Aliança de Misericórdia - SP.

As vagas são limitadas e você pode adquiri-las no valor de 100,00 (02 de Julho à 20 de Julho).
Para inscrições e mais informações, entrem em contato com a Paróquia Nosso Senhor dos Passos pelo tel: (28) 3522-8722, Silêncio de Maria tel:(28) 3522-5490 ou pela Livraria Diocesana tel:(28) 2101-7615.

Faça sua inscrição e deixe o Senhor tomar a sua vida por inteiro.

domingo, 16 de julho de 2017

Nossa Senhora do Carmo e a Devoção do Escapulário

Devemos colocar em primeiro lugar a devoção do escapulário de Nossa Senhora do Carmo

Ao olharmos para a história da Igreja encontramos uma linda página marcada pelos homens de Deus, mas também pela dor, fervor e amor à Virgem Mãe de Deus: é a história da Ordem dos Carmelitas, da qual testemunha o cardeal Piazza: “O Carmo existe para Maria e Maria é tudo para o Carmelo, na sua origem e na sua história, na sua vida de lutas e de triunfos, na sua vida interior e espiritual”.
Carmelo (em hebraico, “carmo” significa vinha; e “elo” significa senhor; portanto, “Vinha do Senhor”): este nome nos aponta para a famosa montanha que fica na Palestina, donde o profeta Elias e o sucessor Elizeu fizeram história com Deus e com Nossa Senhora, que foi prefigurada pelo primeiro numa pequena nuvem.
Estes profetas foram “participantes” da Obra Carmelita, que só vingou devido à intervenção de Maria, pois a parte dos monges do Carmelo que sobreviveram (século XII) da perseguição dos muçulmanos, chegaram fugidos na Europa e elegeram São Simão Stock como seu superior geral; este, por sua vez, estava no dia 16 de julho intercedendo com o Terço, quando Nossa Senhora apareceu com um escapulário na mão e disse-lhe: “Recebe, meu filho, este escapulário da tua Ordem, que será o penhor do privilégio que eu alcancei para ti e para todos os filhos do Carmo. Todo o que morrer com este escapulário será preservado do fogo eterno”.
Vários Papas promoveram o uso do escapulário e Pio XII chegou a escrever: “Devemos colocar em primeiro lugar a devoção do escapulário de Nossa Senhora do Carmo – e ainda – escapulário não é ‘carta-branca’ para pecar; é uma ‘lembrança’ para viver de maneira cristã, e assim, alcançar a graça duma boa morte”.

Usar o escapulário significa se entregar e assumir o nosso compromisso de verdadeiros cristãos aqui na terra como Maria o fez. Ter Maria como nossa Mãe e o compromisso de filho que deve seguir os mandamentos e os desígnios de Deus. 
O escapulário cai sobre nossos ombros se tornando a proteção de Maia sobre a nossa vida.
Neste dia de Nossa Senhora do Carmo, não há como não falar da história dos Carmelitas e do escapulário, pois onde estão os filhos aí está a amorosa Mãe.
Nossa Senhora do Carmo, rogai por nós!

Fonte: Canção Nova

sábado, 15 de julho de 2017

7 canais por onde flui a Salvação



Cristo instituiu e confiou à Santa Igreja 7 canais por onde flui a Salvação: os Sacramentos, que são sinais visíveis e eficazes da graça (invisível), por meio desses nos é dispensada a vida divina.

1 - Batismo: Purificação.
O Batismo é o primeiro Sacramento da iniciação cristã, é nossa morte e ressurreição onde para tornarmos cristãos precisamos morrer, romper com o mundo, pois o pecado nos desumaniza.
Nesse nascimento para a vida espiritual há uma mudança de sujeito, ou seja, nasce um ‘outro eu’, e assim nessa consagração, estamos unidos e integrados na realidade espiritual.

2 – Eucaristia: Um só com Cristo.
No segundo Sacramento da iniciação cristã, a Eucaristia, recebemos Jesus na hóstia consagrada, Ele se dá em alimento por nós e assim, unido ao Cristo, nos tornamos um com Ele.
Na Santa Missa o Calvário é atualizado, ali acontece o nascimento, a morte e a ressurreição de Cristo.

3 – Crisma: um chamado para o combate.
Crisma é a confirmação do Batismo e o terceiro (e último) sacramento da iniciação cristã. Nela o Espírito Santo nos é dado, tornamo-nos cristãos capazes de enfrentar o inimigo, tornamo-nos Soldado de Cristo, guerreiro; momento de crescimento espiritual o qual devemos assumir nossa missão mais publicamente, pois o poder espiritual nos é dado, logo devemos também manifestar nossa FÉ.

4 – Confissão: a misericórdia de Deus é manifestada.
Lembrando sempre que depende apenas de você para o recebimento das graças dos Sacramentos, nesse poderoso canal também não é diferente.
No Sacramento da Penitência acontece a manifestação da misericórdia de Deus, por isso devemos buscá-lo com freqüência sem medo, com humildade e propósito de mudança, respondendo dessa forma ao arrependimento de ter pecado e também reconhecendo que Deus perdoa e ama.

5 – Matrimônio: vocação de viver a dois.
Há uma grande diferença entre casamento e matrimônio, já dizia Pe Léo. O sacramento do Matrimônio é uma vocação, onde a esposa e o esposo se tornam um com Deus e unidos por Ele, o homem não poderá separar.

6 – Ordem: Persona in Christi.
O Sacramento da Ordem é uma das vocações mais importantes da Santa Igreja. Benditas mãos dos sacerdotes, pois por elas podemos receber Nosso Senhor Jesus Cristo na Eucaristia; missão que Cristo deu aos Apóstolos na Santa Ceia.

7 – Unção dos Enfermos: o sacramento da cura.
Ao contrário do que muitos pensam, o Sacramento da Unção dos Enfermos não é apenas para quem está quase morrendo. Esse Sacramento perdoa os pecados em casos que a pessoa não pode se confessar mais, e pode ser curativo para cristãos muito doentes e com risco de morte. Traz como efeito a união do doente com a Paixão de Cristo; reconforto, paz e coragem; estabelecimento da saúde; preparação para a passagem para a vida eterna. E pode ser recebido mais vezes.


Karla Maria, Discipulado Com. Encontro 

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Porque a Comunidade Encontro tanto espera o dia 11 de Julho?


De fato e sem demagogia, é uma felicidade que não tem tamanho o "nosso dia 11", pois ali, diante do sacerdote e de toda a assembleia como testemunhas, um ciclo se encerra e um novo que se inicia, combates são vencidos, graças são derramadas, o carisma é selado em nós, para que assim fortalecidos e abençoados pela Santa Mãe Igreja, possamos continuar com nossa missão de evangelizar, de viver em comum unidade, de ser para o outro um lugar de ENCONTRO: com Deus, consigo mesmo e com a humanidade. 

Ano Mariano, tempo de graça, dias de alegria são tomados ainda mais em nossa vida comunitária, pois se aproxima a esta do nosso baluarte. Diferente dos outros anos, não teremos uma Semana Beneditina com intensas programações de Missas, culinária e artes. Neste Ano Sabático, no qual a comunidade se recolhe mais em oração e com cada um de nós, nossos amigos, familiares, sócios  e benfeitores na terça dia 11, às 19:30h com a Santa Missa presidida pelo Padre José Carlos Ferreira da Silva em Betesda. Uma linda noite de vida, em honra à nosso Pai Bento e a grande realização de mais uma vez renovar o nosso sim a Deus perante a Igreja. 

Estamos te esperando para soltarmos juntos gritos de júbilo e louvor juntos! Amamos te encontrar!