Pular para o conteúdo principal

Semana Nacional da Família


Cuidar da família é dever de todos, afirma presidente da CNBB

Até o próximo sábado, 17 de agosto, a Igreja no Brasil dedica uma semana para valorizar o papel da família e refletir sobre os desafios atuais do primeiro espaço destinado à formação das pessoas e de aprender o jeito cristão de viver e se relacionar. As comunidades são convidadas a se reunir para rezar e meditar a Palavra de Deus, seguindo o modelo da família cristã de Nazaré.

O Brasil tem sofrido com realidades vividas fora do ambiente familiar e que somam estatísticas preocupantes e desafiadoras para reflexão da Igreja. Segundo Dom Jaime Spengler, primeiro vice-presidente da CNBB e arcebispo de Porto Alegre/RS, é uma questão urgente para ser enfrentada:

“Quando somos desafiados por ideologias que colocam em xeque a nossa compreensão de instituição familiar, nós somos convidados a dar testemunho do que representa para nós, constituir e promover uma família. Família é a base da sociedade e nós nos vemos confrontados por situações das mais diversas hoje, por exemplo, no ambiente escolar, mas não só, também no ambiente universitário e nas diversas instâncias da sociedade quando assistimos e temos ciência de um número expressivo de adolescentes que, nas nossas escolas hoje, aparecem mutilados, que se ferem, que se machucam, a automutilação; vemos um número expressivo de jovens que se suicidam; e uma multidão de órfãos, filhos de pais vivos.”


A família, como vai?


Para cuidar da família e promover iniciativas para fortalecer a instituição, a Igreja no Brasil está celebrando a Semana Nacional da Família desde o último domingo (11), Dia dos Pais no país e uma oportunidade para comemorar o Jubileu de Prata da Campanha da Fraternidade de 1994 e também enaltecer a Exortação Apostólica “Amoris Laetitia” do Papa Francisco, de 2016. Além disso, o próprio Pontífice, através da intenção de oração para este mês de agosto, pede para se rezar pelas famílias para que possam se tornar “escolas de crescimento humano”, já que as famílias são “o melhor legado possível” para deixar ao mundo. 
Através do tema: “A família, como vai?”, uma questão simples, mas instigadora, a Semana Nacional da Família no Brasil convida a realizar um caminho de discernimento para compreender melhor a dignidade e a nobreza da família cristã. As comunidades são chamadas a se reunir para rezar e meditar a Palavra de Deus até o dia 17. Afinal, é dentro das famílias que acontecem encontros especiais para se educar e viver a iniciação à vida cristã, não sendo um espaço para doutrinas, mas para aprender um jeito cristão de se relacionar, afirma Dom Adelar Baruffi, bispo de Cruz Alta/RS.

Fonte: Vatican News

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Oração para se libertar da Dependência Afetiva

Senhor Jesus Cristo, reconheço que preciso de ajuda. Cedi ao apelo de minhas carências e agora sou prisioneiro desse relacionamento. Sinto-me dependente da atenção, presença e carinho dessa pessoa. Senhor, não encontro forças em mim mesmo para me libertar da influência dessas tentações. A toda hora esses pensamentos e sentimentos de paixão e desejo me invadem. Não consigo me livrar deles, pois o meu coração não me obedece. A tentação me venceu. E confesso a minha culpa por ter cedido às suas insinuações me deixando envolver.

Mas, neste momento, eu me agarro com todas as minhas forças ao poder de Tua Santa Cruz. Jesus, eu suplico que o Senhor ordene a todas as forças espirituais malignas que me amarram e atormentam por meio desses sentimentos para que se afastem de mim juntamente com todas as suas tentações.

Senhor Jesus, a partir de agora eu não quero mais me deixar arrastar por esses espíritos de impotência, de apego, de escravidão sentimental, de devassidão, de adultério, de loucura …

Milagres de São Bento

Santa Escolástica, irmã gêmea de São Bento, testemunha o poder de Deus               Muitas pessoas perturbadas e possessas por espíritos maus, foram libertas por São Bento. Quando São Bento ordenava que os espíritos saíssem, quando estes não obedeciam, ele esbofeteava a pessoa ou a tocava forte com o cajado, mas quem sentia o golpe era o demônio. Sobre isto comenta Santa Escolástica, que por duas ocasiões viu que após alguns golpes os espíritos deixavam as pessoas como se tivessem levado uma bruta surra.
A pedra que não se movia               Havia ali também a construção uma enorme pedra, que serviu de altar para sacrifícios ao deus pagão Apolo. Tentavam os monges remove-la, mas não conseguiam. Chamaram São Bento, que percebeu que a pedra era segurada por demônios. O Santo ordenou que se retirasse, fez o Sinal da Cruz e os demônios fugiram e a pedra pode ser removia com grande facilidade.
Salva da morte São Plácido               Numa certa ocasião aconteceu que um menino chamado Plácido …

Você está se preparando para morar no céu?

Deus preparou um lugar, uma morada no céu para cada um de nós, Ele nos prometeu isso. Mas Deus também quer morar em nós e Ele quer encontrar esse lugar preparado nos nossos corações. Nossa Senhora foi essa primeira morada aonde Jesus veio e habitou, se fez carne presente.  Você precisa se preparar para duas coisas na sua vida:
1.Para morar no céu, é preciso preparar-se e é por esse o processo de santidade: acostumar-se a amar sempre. Estar apaixonado pelos habitantes do céu, porque ninguém vai morar num lugar com pessoas que não amam certo? Tem que amar! Nossa Senhora já nasceu se preparando para ir morar no céu, já nasceu amando, ela não fixou nada na terra, não quis ter parte dela aqui, tudo dela foi para o céu. E você, está se preparando para ser tudo para o céu?
2.Para você morar no céu você precisa ter o céu morando em você, ter o dono do céu morando em você porque o céu começa em você. Nossa Senhora teve o dono do céu morando nela, uniu-se ao seu Criador, ao seu Senhor, de uma fo…