Pular para o conteúdo principal

Inicia hoje a Novena de Pentecostes


Pentecostes é a Festa da Colheita! Com grande alegria o povo hebreu ofertava ao Senhor as primícias, os primeiros frutos da terra, o que havia de melhor na primeira colheita. E Deus escolheu justamente esta Festa judaica para cumprir a Sua Promessa de derramar o Espírito Santo não sobre os discípulos da primeira hora, mas sobre todo ser vivo (cf. Joel 3,1). Aqui uma questão emblemática: oferecemos a Deus as primícias do nosso interior, o nosso coração, a nossa sede, o nosso apelo mais profundo pelo Amor de Deus e Deus vem pressuroso ao nosso encontro, ao encontro da nossa sede, dando-nos medida imensurável do Espírito Santo.

Por isso, é possível dizer que o batismo no Espírito Santo é este “choque bendito”, este maravilhoso encontro entre duas liberdades: Deus, em sua infinita bondade, amor e misericórdia sempre vem ao encontro do homem com a Sua graça, com o Seu Espírito; o homem, em seu livre arbítrio, busca a Deus de coração sincero, contrito e, humilde, vai ao Seu encontro.

Para  que  o Espírito Santo nos é dado? Para que tenhamos força (At 1,8)! Força para vivermos como homens e mulheres salvos, resgatados ao preço do Sangue Precioso de Jesus; força para que tenhamos a têmpera dos mártires que lutam, se preciso for, até o sangue pela santidade (cf. Hb 12,4); força para que carreguemos a cruz com amor e fervor; força para que amemos efetivamente uns aos outros e nos suportemos mutuamente; força para que sejamos missionários neste mundo, espalhando em todo lugar o perfume de Cristo (II Cor 2,15).

Em Pentecostes, portanto, se cumpre a Promessa do Pai que nos ama com eterno amor e deseja que sejamos pes- soas cheias do Espírito Santo! Em Lucas 11, 13 lemos: “Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celestial dará o Espírito Santo aos que lho pedirem”. Por- tanto, em todos os tempos será a alegria do Pai nos dar o Espírito Santo, em vista do crescimento do nosso homem interior e da nossa correspondência ao Seu plano de amor.

E como devemos receber o Espírito Santo que nos é continuamente dado? Sem resistências, sem bloqueios, sem re- presas (I Ts 5, 19; At 6,10). O Espírito Santo quer ter liberdade de ação em nosso interior para nos modelar e nos dar a forma de Cristo.

Portanto, quais são os passos necessários para receber mais do Espírito Santo? Rasgar o coração na presença do Se- nhor apresentando-Lhe as primícias interiores; pedir o derramamento do Espírito Santo crendo que o Pai O a quem por Ele suplicar; recebê-Lo docilmente, sem resistências, com espírito adorador.

Neste ano de 2020 rezaremos a Novena de Pentecostes e suplicaremos a vinda do Espírito Santo por meio do subsídio oferecido pelo CONCCLAT Conselho Carismático Católico Latino-americano da RCC. Este será um gesto concreto de unidade e de comunhão continental: “Todos  eles  perseveravam  unanimemente em oração em torno de Maria, a mãe de Jesus” (At 1, 14).

Falar de Pentecostes é falar da Igreja, é falar da Renovação Carismática Católica e de sua Identidade. Neste ano em que somos chamados a “Resgatar a Identidade da RCC para que o mundo seja batizado no Espírito Santo”, devemos entender que esse resgate começa em cada um de nós, em nossas vidas. Resga- temos a espiritualidade de Pentecostes em nós e mantenhamos viva a chama do Espírito Santo em nossos corações.

Veni Sancte Spiritus!


Vinícius Simões

Presidente do Conselho Nacional da Renovação Carismática Católica do Brasil


N ovena de Pentecostes

“Ou, se apenas orações unânimes e sinceras pudessem subir ao céu em todas as partes da cristandade, como foi feito no Cenáculo em Jerusalém, para reviver o Divino Espírito” (Beata Elena Guerra).

Por iniciativa da Beata Elena, o Papa Leão XIII pediu a todos os fiéis que celebras- sem uma novena solene (nove dias de oração) perpetuamente entre as festividades da Ascensão e Pentecostes pela unidade dos cristãos.

É um convite para “retornar ao Cenáculo” em adoração e intercessão, começando pela oração, no dia seguinte à Ascensão, diariamente invocando o Espírito Santo e in- tercedendo pelo tema do dia.

 

 

Orações para todos os dias

 

 


1.      Orações iniciais para serem rezadas todos os dias antes dos temas diários para intercessão (anexos)

                  Invocação do Espírito Santo do Papa João XXIII

                  Veni Creator Spiritus

                  Sequência ao Espírito Santo

                  Vinde Espírito Santo

                  Oração de São João Paulo   II (Vigília de Pentecostes de 1998)


2.  Temas diários para intercessão

 

3.                 Orações finais para todos os dias após os temas diários para intercessão

                  Clamar o Espírito no vernáculo (em nossa língua portu- guesa)

                  Clamar o Espírito Santo na oração em línguas

                  Momento de Escuta

                  Momento de Louvor

                  Oração à Nossa Senhora de Pentecostes (anexos)


 

T emas diários para 

intercessão

 

Dia 

Intercessão  por  todas  as nações

Vem, Espírito Santo, sobre todas as nações, desde os primeiros povos até os mais contemporâneos (Gn 12, 2; Sl 22,

28; I Tm 2, 1-3).

Interceda para que em todos os po- vos brilhe o amor e a luz de Cristo.


Dia

Intercessão para    renovação  da  Igreja  de Jesus Cristo

Vem, Espírito Santo, reacende o teu fogo e renova a tua Igreja (Mt 3, 11; At 2, 17-21).

Interceda pela “Espiritualidade de Pentecostes” para renovar a Igreja, no mundo, no seu continente, no seu país. Incluindo todas as intenções mensais do Papa e, especialmente, o desejo de São João Paulo II de que a “Espiritualidade de Pentecostes se espalhe na Igreja como um impulso renovado de oração, san- tidade, comunhão e anúncio” (São João Paulo II, Vigília Solene de Pentecostes de 2004).


Vem, Espírito Santo, una sua Igreja - “Pai, que eles sejam um para que o mundo acredite” (Jo 17, 21; Ef 4, 1-6; 2, 11-18).

Interceda pela reconciliação, a purificação das memórias e a cura das divisões do cristianismo no mundo, no seu continente, na sua nação.


  Dia 

Intercessão pela unidade dos cristãos

Vem, Espírito Santo, una sua Igreja - “Pai, que eles sejam um para que o mundo acredite” (Jo 17, 21; Ef 4, 1-6; 2, 11-18).

Interceda pela reconciliação, a purificação das memórias e a cura das divisões do cristianismo no mundo, no seu continente, na sua nação.


Dia 

Intercessão  pela renovação da sociedade

Vem, Espírito Santo e renove a face da terra e transforme a sociedade pelo poder do seu Espírito (Mc 16, 16-20).

Interceda pela “Cultura da Vida” nascida do Espírito, para que penetre na sociedade, no mundo, nos governos, no seu continente, na sua nação.



Dia 

Intercessão  pela conversão e santidade

Vem, Espírito Santo, que a e a esperança surjam nos corações das pessoas e que a  tua glória se manifeste na tua Igreja (Rm 8, 28-30; 10, 9-10; Jo 3, 5-8).

Interceda pela conversão dos pecadores, para crescerem em santidade, pela revelação de Sua Glória, em Sua Igreja, no mundo, em sua família.


Dia 

Intercessão pela reconciliação e cura

Vem, Espírito Santo, ajude-nos a vi- ver juntos em unidade, em humildade e em amor (Sl 132, 1; Ef 4, 1-6).

Interceda pela reconciliação e pela cura para que haja unidade em você e sua família, sua Diocese, sua Paróquia, sua Comunidade e seu Grupo de Oração.


Dia 

Intercessão para capacitar-nos para a evangelização

Vem, Espírito Santo, capacite-nos a cumprir seu chamado para sermos tes- temunhas nos confins da terra, a sermos portadores da Boa Nova (At 1, 8).

Interceda para que o Espírito San- to conceda uma nova força para serem Suas testemunhas, para levar o Evange- lho a toda a criação, para a Nova Evange- lização em Sua Igreja.

“Hoje, nesta praça, Cristo repete a cada um: ‘Ide ao mundo e pregai o Evan- gelho a toda a Criação’ (Mc 16, 15). Ele conta com cada um de vocês. A Igreja conta com vocês. O Senhor lhes asse- gura: Eu estou convosco todos os dias até o fim do mundo’ (Mt 28, 20). Eu es- tou com vocês” (São João Paulo II, Vigília de Oração, Véspera de Pentecostes de 1998).

 

Dia 

Intercessão     pela   vitória da Santa Cruz


Vem, Espírito Santo, para que sua vitória seja proclamada e sua glória revelada na face da terra (Ef 1, 15-23; 2, 16; 1Cor 1, 17-18). Interceda pela proclamação do poder e pela vitória da Santa Cruz, para que Seu poder salvador seja manifestado por toda a terra.

Dia 

Intercessão   por  uma nova efusão do  Espírito Santo e Seus dons

 “Ele ordenou que eles não se afas- tassem de Jerusalém, mas aguardassem a promessa do Pai, ‘que você ouviu de mim’... vocês serão batizados no Espírito Santo” (At 1, 4). Ó Jerusalém, Cidade de Davi, Cidade de Deus, Cidade da Última Ceia, a Eu- caristia, Cidade de Sua paixão, morte e ressurreição - Cidade da vitória de sua Santa Cruz - Cidade do Cenáculo, onde Maria e os discípulos esperaram, Cidade de Pentecostes, onde Seu Espírito Santo veio em forma de fogo e fez nascer Sua Igreja, Cidade da volta do Senhor, onde o Espírito e a Esposa dizem “Vem”. Interceda para ser batizado no Es- pírito Santo e receber Seus dons para edificação do Seu Corpo em amor e fa- zer com que tudo o que está no céu e na terra tenha Ele como Cabeça (Ef 4, 12; 1, 10; 1Cor 12, 1-11).

 



Orações iniciais para serem rezadas todos os dias antes dos temas diários para intercessão

 

Invocação do Espírito Santo do Papa João XXIII

“Renove suas maravilhas em nossos dias, como em um novo Pentecostes. Conceda à Sua Igreja que, unidos e firmes em oração com Maria, a Mãe de Jesus, e seguindo o exemplo de Pedro, possam promover o reino de nosso Divino Salvador, o reino da verdade e da justiça, o reino do amor e da paz. Amém”.

Vem, Espírito Santo, com Sua força e poder para renovar a face da terra!

 

 

Veni Creator Spiritus! (Vem, Espírito Criador!)

Vinde Espírito Criador, a nossa alma visitai e enchei os corações com vossos dons celestiais. Vós sois chamado o Intercessor de Deus excelso dom sem par, a fonte viva, o fogo, o amor, a unção divina e salutar. Sois o doador dos sete dons e sois poder na mão do Pai, por Ele prometido a nós, por nós seus feitos proclamai.

A nossa mente iluminai, os corações enchei de amor, nossa fraqueza encorajai, qual força eterna e protetor. Nosso inimigo repeli, e concedei-nos a vossa paz, se pela graça nos guiais, o mal deixamos para trás. Ao Pai e ao Filho Salvador, por vós possamos conhecer que procedeis do Seu amor, fazei-nos sempre firmes crer. Amém!


 

Sequência ao Espírito Santo

Vinde, Santo Espírito, e enviai dos céus

um raio de vossa luz.

 

Vinde, pai dos pobres, vinde, doador dos dons, vinde, luz dos corações.

 

Consolador magnífico, doce hóspede da alma, doce refrigério.

 

No labor descanso, no calor aragem, no pranto consolo.

 

Ó luz beatíssima,

enchei o íntimo dos corações

dos vossos fiéis.


Sem vosso auxílio nada há no homem, nada de inocente.

 

Lavai o que está sujo, regai o que está seco, curai o que está enfermo.

 

Dobrai o que é rígido, aquecei o que está frio, conduzi o que está errante.

 

Dai aos vossos fiéis, que confiam em vós, os sete dons sagrados.

 

Dai o mérito da virtude, dai o êxito da salvação, dai a perene alegria.

Amém.


 

Vinde Espírito Santo

Vinde Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Oremos: Ó Deus, que instruíste os corações dos vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos sempre de sua consolação. Por Cristo, Senhor Nosso.

Amém.


 

Oração de São João Paulo II

(Vigília de Pentecostes de 1998)

“[…] O que aconteceu em Jerusalém dois mil anos atrás… renova nova- mente. Assim como os apóstolos, nós também estamos reunidos em um grande Cenáculo de Pentecostes, desejando a efusão do Espírito... Hoje, a partir deste Cenáculo [...], se eleva uma grande oração: Vem, Espírito Santo! Vem e renove a face da terra! Vem com seus sete dons! Vem, Espírito de Vida, Espírito de verdade, Espírito de Comunhão e Amor! A Igreja e o mundo precisam de você. Vem, Espírito Santo, e torne cada vez mais fecundos os carismas que você nos concedeu!”.

 

Oração à Nossa Senhora de Pentecostes


“Ó Maria, filha predileta do Pai, Mãe Santíssima de Nosso Senhor Salvador, esposa Mística do Espírito Santo, Nossa Senhora de Pentecostes. Nós nos consagramos ao vosso maternal amor e vos tomamos como modelo per- feito de louvor a Deus, de santidade, de espírito missionário e evangelizador.

Vós que no dia de Pentecostes, junto com os apóstolos, ficastes repleta do inefável dom do Espírito Santo, ajudai-nos, na efusão do mesmo Espírito que recebemos no dia do batismo, sermos constantemente fiéis ao Senhor. Amém!”

Nossa Senhora de Pentecostes, rogai por nós!

                                                                                                         


                                                                                                                    Fonte:

-  Sugestão CONCCLAT

-  (A sarça ardente, um retorno do cenáculo em adoração e intercessão, Apêndice III - Kim Ca- therine-Marie Kollins, 2005)




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Oração para se libertar da Dependência Afetiva

Senhor Jesus Cristo, reconheço que preciso de ajuda. Cedi ao apelo de minhas carências e agora sou prisioneiro desse relacionamento. Sinto-me dependente da atenção, presença e carinho dessa pessoa. Senhor, não encontro forças em mim mesmo para me libertar da influência dessas tentações. A toda hora esses pensamentos e sentimentos de paixão e desejo me invadem. Não consigo me livrar deles, pois o meu coração não me obedece. A tentação me venceu. E confesso a minha culpa por ter cedido às suas insinuações me deixando envolver.

Mas, neste momento, eu me agarro com todas as minhas forças ao poder de Tua Santa Cruz. Jesus, eu suplico que o Senhor ordene a todas as forças espirituais malignas que me amarram e atormentam por meio desses sentimentos para que se afastem de mim juntamente com todas as suas tentações.

Senhor Jesus, a partir de agora eu não quero mais me deixar arrastar por esses espíritos de impotência, de apego, de escravidão sentimental, de devassidão, de adultério, de loucura …

Milagres de São Bento

Santa Escolástica, irmã gêmea de São Bento, testemunha o poder de Deus               Muitas pessoas perturbadas e possessas por espíritos maus, foram libertas por São Bento. Quando São Bento ordenava que os espíritos saíssem, quando estes não obedeciam, ele esbofeteava a pessoa ou a tocava forte com o cajado, mas quem sentia o golpe era o demônio. Sobre isto comenta Santa Escolástica, que por duas ocasiões viu que após alguns golpes os espíritos deixavam as pessoas como se tivessem levado uma bruta surra.
A pedra que não se movia               Havia ali também a construção uma enorme pedra, que serviu de altar para sacrifícios ao deus pagão Apolo. Tentavam os monges remove-la, mas não conseguiam. Chamaram São Bento, que percebeu que a pedra era segurada por demônios. O Santo ordenou que se retirasse, fez o Sinal da Cruz e os demônios fugiram e a pedra pode ser removia com grande facilidade.
Salva da morte São Plácido               Numa certa ocasião aconteceu que um menino chamado Plácido …

Você está se preparando para morar no céu?

Deus preparou um lugar, uma morada no céu para cada um de nós, Ele nos prometeu isso. Mas Deus também quer morar em nós e Ele quer encontrar esse lugar preparado nos nossos corações. Nossa Senhora foi essa primeira morada aonde Jesus veio e habitou, se fez carne presente.  Você precisa se preparar para duas coisas na sua vida:
1.Para morar no céu, é preciso preparar-se e é por esse o processo de santidade: acostumar-se a amar sempre. Estar apaixonado pelos habitantes do céu, porque ninguém vai morar num lugar com pessoas que não amam certo? Tem que amar! Nossa Senhora já nasceu se preparando para ir morar no céu, já nasceu amando, ela não fixou nada na terra, não quis ter parte dela aqui, tudo dela foi para o céu. E você, está se preparando para ser tudo para o céu?
2.Para você morar no céu você precisa ter o céu morando em você, ter o dono do céu morando em você porque o céu começa em você. Nossa Senhora teve o dono do céu morando nela, uniu-se ao seu Criador, ao seu Senhor, de uma fo…