Pular para o conteúdo principal

Homilia do Fundador: "Sede santos, porque eu, o Senhor vosso Deus, sou santo"

Leia na íntegra a homilia do nosso Fundador, o Clayton, feita no 7º Domingo do Tempo Comum (19/02/2017):
Primeira Leitura (Lv 19,1-2.17-18)
Salmo 102
Segunda Leitura (1Cor 3,16-23)
Evangelho (Mt 5,38-48)

Se em tudo olharmos com os olhos de amor e de justiça, primeiro nos envergonharemos diante do que vamos ver, pois iremos contemplar a gigantesca e infinita misericórdia, bondade a santa paciência de Deus para conosco, os cuidados e benefícios que Deus nos cumula e aí nossa alma se voltará para louvar e bendizer o Senhor constantemente porque estará reconhecendo o quanto Ele é bondoso e compassivo. Ao olharmos e reconhecermos tudo isso brotará em nós o desejo de nos abrirmos e de obedecermos profundamente a ordem do Senhor: Sede santos, porque eu, o Senhor vosso Deus, sou santo.” Lv 19, 2, “Não tenhas no coração ódio contra teu irmão. Repreende o teu próximo, para não te tornares culpado de pecado por causa dele. Não procures vingança, nem guardes rancor dos teus compatriotas. Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor!” Lv 19, 17-18. Se olharmos a bondade e misericórdia de Deus para conosco, nós iremos compreender profundamente essas palavras e buscaremos com todas as nossas forças vivermos a santidade e deixaremos de ser tão ingratos e de cair tão fácil nas seduções e nos conselhos do demônio. Iremos parar de ser omissos e repreender o nosso próximo e não mais tomar a culpa junto com ele. Iremos abrir os nossos lábios para repreendê-los mas não iremos odiar a ninguém, mas compreenderemos que devemos exortar e não ocultar aquilo que é mal, exortaremos com amor e misericórdia porque, volto a dizer, teremos sempre diante dos nossos olhos a grandeza da misericórdia e a bondade de Deus para conosco e quando compreendemos e reconhecemos isso, nós caímos em nós mesmos e percebemos, 'o primeiro pecador sou eu, o maior pecador sou eu'.
Como Deus usa de bondade e misericórdia comigo e como Deus usa de bondade e misericórdia para com o meu próximo, devo usar, ser bondoso e misericordioso sem deixar de exortá-lo, mas até a minha exortação será uma exortação não cheia de vingança e nem querendo humilhar, mas será uma exortação como o próprio Deus me exorta, cheia de bondade e de misericórdia e se assim eu o fizer, se eu não ocultar, se eu não for conivente com o pecado do meu irmão mas mesmo exortando-o usar de misericórdia, a alma dele também estará sempre bendizendo o Senhor e irá encontrar esse Deus bondoso e compassivo como diz no Salmo 102, agindo assim não agirei como o mundo, terei a sabedoria de Deus e não a sabedoria do mundo, não olharei para mim pensando que sou o melhor de todos, que sou o justo, não me julgarei melhor que os outros pois a todo instante eu estarei com os olhos puros buscando a Santidade. E buscando a santidade estarei reconhecendo: Só Deus é bom. E se hoje estou caminhando, estou de pé e se ouço a voz do Pastor é por pura misericórdia de Deus, então não serei sábio aos meus próprios olhos mas o meu testemunho de amor e misericórdia será o suficiente para proclamar que Deus é bom e que a sabedoria que eu vivo e uso vem de Deus e não é minha. Também olhando a grandeza e a misericórdia de Deus, não serei aquele que vai querer se vingar, não fugirei das necessidades do meu irmão, não serei aquele que só amará quem me ama mas amarei a todos e desejarei servir a todos, ser o servo de todos, não serei aquele que ao ser agredido vai devolver com agressão. Não! Mas serei aquele que ama até o inimigo, que ama até as últimas consequências, serei aquele que não tratarei o meu próximo como as faltas dele exigem, mas serei aquele que estarei imitando Cristo em tudo, e até arranjando desculpas para o meu irmão e irei ser compreensivo. Nossa, eu irei ser Encontro!

Não se acomode numa perfeição limitada que o seu cérebro demarcou, portanto, sede perfeito como vosso pai celeste é perfeito, sede perfeito no amor, sede perfeito na vivência do carisma encontro, não o esmague, mergulhe nele e você vai descobrir a grandeza desse carisma. Sede santos, sede perfeitos, sede encontro, pois Deus os chamou a serem santos e perfeitos numa vocação e essa vocação chama-se Encontro: Amar, amar e amar!  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Oração para se libertar da Dependência Afetiva

Senhor Jesus Cristo, reconheço que preciso de ajuda. Cedi ao apelo de minhas carências e agora sou prisioneiro desse relacionamento. Sinto-me dependente da atenção, presença e carinho dessa pessoa. Senhor, não encontro forças em mim mesmo para me libertar da influência dessas tentações. A toda hora esses pensamentos e sentimentos de paixão e desejo me invadem. Não consigo me livrar deles, pois o meu coração não me obedece. A tentação me venceu. E confesso a minha culpa por ter cedido às suas insinuações me deixando envolver.

Mas, neste momento, eu me agarro com todas as minhas forças ao poder de Tua Santa Cruz. Jesus, eu suplico que o Senhor ordene a todas as forças espirituais malignas que me amarram e atormentam por meio desses sentimentos para que se afastem de mim juntamente com todas as suas tentações.

Senhor Jesus, a partir de agora eu não quero mais me deixar arrastar por esses espíritos de impotência, de apego, de escravidão sentimental, de devassidão, de adultério, de loucura …

Milagres de São Bento

Santa Escolástica, irmã gêmea de São Bento, testemunha o poder de Deus               Muitas pessoas perturbadas e possessas por espíritos maus, foram libertas por São Bento. Quando São Bento ordenava que os espíritos saíssem, quando estes não obedeciam, ele esbofeteava a pessoa ou a tocava forte com o cajado, mas quem sentia o golpe era o demônio. Sobre isto comenta Santa Escolástica, que por duas ocasiões viu que após alguns golpes os espíritos deixavam as pessoas como se tivessem levado uma bruta surra.
A pedra que não se movia               Havia ali também a construção uma enorme pedra, que serviu de altar para sacrifícios ao deus pagão Apolo. Tentavam os monges remove-la, mas não conseguiam. Chamaram São Bento, que percebeu que a pedra era segurada por demônios. O Santo ordenou que se retirasse, fez o Sinal da Cruz e os demônios fugiram e a pedra pode ser removia com grande facilidade.
Salva da morte São Plácido               Numa certa ocasião aconteceu que um menino chamado Plácido …

EXAME DE CONSCIÊNCIA PARA JOVENS E ADULTOS

Como se faz o exame de consciência?

Faz-se o exame de consciência trazendo à memória os pecados cometidos, a partir da última confissão bem feita. 
“Qual é a mulher, que tendo dez dracmas, e perdendo uma, não acende a candeia e não varre a casa e não procura diligentemente até que a encontre? E que, depois de a achar, não convoque as amigas e vizinhas, dizendo: Congratulai-vos comigo, porque encontrei a dracma que pinha perdido?” (Lucas 15, 8-10)

A dracma era uma moeda corrente na Judéia. A solicitude da dona de casa, apresentada na parábola do Evangelho a procurar a moeda em todos os ângulos dos quartos e das salas, é um excelente convite à nossa alma. Devemos examinar atentamente nossa consciência antes de nos aproximarmos da santa confissão. Não é possível detestar e confessar um mal sem conhece-lo. Ao passo que, o seu conhecimento, leva-nos à detestação e ao desejo de nos libertarmos dele quanto antes. O exame de consciência é, por conseguinte, a indagação atenta e cuidadosa dos p…